Palmeiras segura o campeão mundial, o Corinthians, e festeja empate

Depois de tomar duas bolas na trave e o primeiro gol, time alviverde vira para cima do rival, mas acaba sofrendo gol de empate, 2 a 2, de Romarinho

GABRIEL MELLONI, Agência Estado

17 de fevereiro de 2013 | 18h05

SÃO PAULO - O velho chavão de que "em clássico não há favorito" ficou evidenciado na partida entre Corinthians e Palmeiras deste domingo, no Pacaembu, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. Diante do atual campeão mundial e da Libertadores, o time alviverde, rebaixado à Série B do Brasileirão, não se apequenou, chegou a estar vencendo durante boa parte do segundo tempo e só não saiu com os três pontos porque esbarrou em um velho algoz. Romarinho entrou no segundo tempo para marcar o gol que garantiu o empate por 2 a 2, seu quarto gol em três partidas diante do principal rival corintiano.

O resultado fez com que as duas equipes continuassem empatadas em número de pontos: 13. O Palmeiras leva vantagem e é o sétimo por ter mais gols marcados na competição - 17 a 13. Na próxima rodada, a equipe do técnico Gilson Kleina terá pela frente o União Barbarense, no Pacaembu, domingo que vem.

Patrick Vieira chegou a marcar o segundo gol palmeirense aos 34, mas estava impedido. O Palmeiras dominava as ações ofensivas após o empate. Aos 37 minutos, Márcio Araújo quase virou o placar em chute forte de fora da área que Cássio espalmou. Foi o último grande momento do primeiro tempo.

O segundo tempo começou morno, mas logo o Palmeiras virou o placar. Aos oito minutos, Wesley cobrou falta da intermediária pelo lado direito, Cássio saiu muito mal do gol e não alcançou a bola. Vinícius, que estava atrás do goleiro, desviou para o gol vazio.

Atrás no placar, Tite colocou o time para frente com a entrada de Romarinho no lugar de Alessandro. E o atacante foi responsável pela primeira chegada corintiana depois de muito tempo. Aos 16 minutos, ele aproveitou sobra de bola na entrada da área e chutou forte, exigindo grande defesa de Fernando Prass.

Romarinho se transformou na principal arma ofensiva do Corinthians e com ele a equipe chegou ao empate, aos 26 minutos. Cássio repôs a bola nos pés de Alexandre Pato, o atacante trabalhou com Paulinho e depois tocou para Romarinho, que teve calma, ajeitou e bateu colocado no canto esquerdo de Fernando Prass.

A partir daí, o jogo ficou morno, com ambas as equipes cautelosas, preocupadas em não errar. Até que aos 46 minutos Paulinho quase marcou um golaço. Ele recebeu cruzamento de Emerson, matou no peito e emendou uma bicicleta que passou raspando a trave. Foi a última grande chance da partida.

CORINTHIANS 2 X 2 PALMEIRAS

CORINTHIANS - Cássio; Alessandro (Romarinho), Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Danilo (Renato Augusto); Jorge Henrique, Emerson e Guerrero (Alexandre Pato). Técnico: Tite

PALMEIRAS - Fernando Prass; Weldinho, Maurício Ramos, Henrique e Marcelo Oliveira; Vilson, Márcio Araújo, Souza, Wesley (Caio) e Patrick Vieira (Charles); Vinícius (Ronny). Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Emerson, aos 18, e Vilson, aos 29 minutos do primeiro tempo. Vinícius, aos oito, e Romarinho, aos 26 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Antônio Rogério Batista do Prado (SP).

CARTÕES AMARELOS - Jorge Henrique, Emerson, Romarinho (Corinthians); Maurício Ramos (Palmeiras).

PÚBLICO - 34.010 pagantes.

RENDA - R$ 1.139.287,50.

LOCAL - Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP).

VEJA COMO FOI O JOGO LANCE A LANCE

Comentários de Robson Morelli

SEGUNDO TEMPO

48min - Acabou.

45min - O juiz deu três minutos a mais de jogo. Paulinho faz jogada linda, de bicicleta. A bola, caprichosamente, vai para fora. Susto nos jogadores palmeirenses.

42min - O Corinthians tem a bola nos pés. Ataca o tempo todo. O Palmeiras está afoito e fechadinho na defesa, apenas com Ronny na frente. Pena que o jogador não faz boa partida. Renato Augusto entrou muito bem no Corinthians.

38min - Romarinho faz boa jogada pels esquerda em cima de Weldinho. Eles se conhecem do Parque São Jorge. O fato é que Romarinho colocou fogo no jogo. Ele inferniza a defesa do Palmeiras, mas até que Pato.

33min -  O Palmeiras recuou demais e com as mudanças de Gilson Kleina quase que abriu mkão do ataque, um erro sobretudo diante do seu maior rival. O Corinthians tem mais vontade de ganhar nesse momento. O Palmeiras teve duas ou três chances, mas não acertou quando era melhor.

27min - GOOOLLLL DO CORINTHIANS, de Romarinho: 2 a 2. Jogada de contra-ataque com Pato, que para, olha e faz o passe duas vezes. Romarinho chuta de longe e Prass não pega.

25min - O Corinthians fica com Pato e Romarinho centralizados no ataque e Jorge Henrique e Emerson abertos. Emerson entra rasgando em Wesley e só ganha o cartão amarelo. Errou o juiz. Deveria dar vermelho direto.

22min - Wesley está livre e com muita confiança, mas prende demais a bola e desperdiça boas chances para o Palmeiras. Gilson Kleina vai tirat Patrick Vieira e colocar Charles. Tite saca Guerrero e manda a campo Alexandre Pato.

20min - O Palmeiras já joga atrás da linha do meio de campo. E tenta sair em velocidade. Dessa forma, recuado, pode não aguentar a pressão corintiana. Falta muito tempo para jogar dessa maneira. Renato Augusto chuta de longe e assusta o torcedor do Palmeiras. Prass estava adiantado.

15min - Romarinho enche o pé e Fernando Prass faz ótima defesa com os pés.

14min - Tite tira o lateral Alessandro e coloca Romarinho, mais um atacante. O treinador também vai tirar Danilo para escalar Renato Augusto. Tite aposta em Romarinho porque sabe que o garoto leva sorte contra o Palmeiras.

12min - O Palmeiras melhorou na saída de bola, com velocidade e com oss jogadores do meio mais próximos uns dos outros. O Corinthians não consegue se livrar da marcação e dá o contra-ataque para o rival agora.

7min - GOOOLLLLL DO PALMEIRAS, de Vinícius: 2 a 1. Falha de Cássio, que saiu e não conseguiu tirar a bola. Falha grotesca do goleiro. Vinícius estava atrás dele, marcado por Alessandro, e só teve trabalho de cabecear. A bola foi levantada de falta por Wesley.

 

5min - O jogo começa meio morno e igual. O Corinthians começa a se soltar mais com seus volantes. O Palmeiras se fecha e aposta nas arrancadas de Patrick Vieira pela direita. O Palmeiras mostra confiança.

1min - Começou. As equipes não mudam.

INTERVALO

Emerson: "O Palmeiras é um time de tradição e merece todo o respeito. Comemorei o gol balançando bebê, mas´não é meu, é de um amigo"

Vilson: "Feliz por fazer um gol. Acabai de chegar no Palmeiras. Começamos mal na marcação, mas depois acertamos" 

PRIMEIRO TEMPO

45min - Acabou.

43min - Weldinho enche o pé e obriga Cássio a fazer boa defesa. Mas havia impedimento. O Palmeiras pressiona o Corinthians nesse fim de primeiro tempo. O Corinthians tenta muito pela esquerda com Emerson, mas a marcação é forte. Falta ao Palmeiras um pouco de qualidade.

  

38min - Márcio Araújo, que completa 200 jogos no Palmeiras, chuta de longe e obriga Cássio a fazer boa defesa a escanteio.

37min - Depois de duas bolas na trave e um gol sofrido, o Palmeiras equilibra na vontade a disputa no Pacaembu. O Corinthians dá espaço e deixa o rival jogar. O jogo fica melhor.

34min - Patrick Vieira marca o segundo do Palmeiras, mas ele estava impedido. O juiz  marcou corretamente. Destaque para a boa jogada de Vinícius.

29min - GOOOOLLL DO PALMEIRAS, de Vilson: 1 a 1. O jogador acertou bonita cabeçada em cruzamento de Wesley. Foi a primeira vez que a defesa do Corinthians marcou mal. Um belo gol, que pode dar mais moral para o time. 

27min - Patrick Vieira chura forte e Cássio pega. Foi a primeira jogada mais limpa do Palmeiras na área do Corinthians.

26min - O que não se pode cobrar desse novo Palmeiras é disposição. O time tenta marcar no campo do Corinthians, atrapalha o rival, se esforça. Mas isso só é pouco. Falta um jogador de mais qualidade e técnica. Até agora, todos olham para Wesley. Se tivesse Valdivia... o chileno está machucado.

21min -  Guerrero acerta a trave após falha na saída de escanteio de Fernando Prass. O Corinthians joga com facilidade, faz a bola rolar redonda no Pacaembu. No mesmo terreno, os jogadores do Palmeiras parecem jogar com uma bola quadrada. É muita diferença.

18min - GOOOLLLL DO CORINTHIANS, de Emerson: 1 a 0. Fábio Santos levanta a bola para Paulo André na área. O zagueiro estava quase sem marcação. Ele toca e a bola sobra para Emerson chutar. A defesa do Palmeiras marca mal e joga assustada.

15min - Paulinho manda para fora de cabeça após cruzamento de Fábio Santos. Fez a torcida do Corinthians se levantar. Essa passagem de Fábio Santos é característica do time de Tite, assim como a chegada de Paulinho. Com tantos volantes, o Palmeiras precisa ter alguém para acompanhar as subidas de Paulinho.

13min - Patrick Vieira está afobado e por causa disso faz faltas desnecessárias quando a bola está mais para ele. Na ponta direita do Corinthians, Jorge Henrique prende Marcelo Oliveira no setor. O lateral não passa do meio de campo. Souza, com mais liberdade no meio, já foi orientado por Kleina a avançar.

8min - Jorge Henrique enche o pé para fazer a bola explodir no travessão. Usou muita força em bola que sobrou pela direita. Na sequência, no rebote, Guerrero estava impedido. Um minuto depois o Palmeiras deu o troco, mas não conseguiu chutar para o gol de Cássio, que saiu na bola e se atrapalhou todo.

6min - O Palmeiras é um time mais afoito, faz mais falta nesse começo de jogo. E ainda fica na dúvida entre acatar e se defender. Wesley tem boa movimentação na frente. O Corinthians põe a bola no chão com mais facilidade.

3min - O Corinthians fica com a bola e tenta fazê-la rodar. Patrick Vieira d á uma pegada mais dura em Emerson, que rola pelo chão e exagera. O Palmeiras tenta não dar espaço no meio de campo. 

1min - Começou. O Corinthians joga com sua melhor formação. E ainda deixa Alexandro Pato no banco. O Palmeiras, que teve a torcida goza pelos rivais pela queda no Brasileirão, reforça o meio de campo e aposta muito nas boas apresentações de Patrick Vieira e Wesley. E nos gols de Henrique e Márcio Araújo. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.