Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras terá de decidir vaga na Copa do Brasil sem cinco reforços

Contratações chegaram após o fim da inscrição e fazem time ter de enfrentar o Cruzeiro com o elenco de abril

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

25 de julho de 2017 | 11h00

O Palmeiras que vai decidir a classificação na Copa do Brasil, contra o Cruzeiro, no Mineirão, será mais o elenco montado para a disputa do Campeonato Paulista do que as opções atuais do plantel. Como a competição exige que a lista de inscritos seja entregue e finalizada em 24 de abril, o técnico Cuca não poderá mandar a campo cinco reforços contratados depois da data.

A lista de jogadores que ficarão fora por questões burocráticas tem o lateral-direito Mayke, os zagueiros Luan e Juninho, mais o volante Bruno Henrique e o atacante Deyverson. Por isso, Cuca terá de usar o elenco que o Palmeiras tinha na época da inscrição, quando ainda era comandado por Eduardo Baptista. A lista final foi entregue ainda antes da estreia do time na competição, em 18 de maio.

Três dos cinco jogadores trazidos depois de abril não podem atuar pelo Palmeiras também por outro fator, por já terem defendido outra equipe na competição anteriormente. Mayke defendeu o Cruzeiro, Luan jogou pelo Vasco e Juninho entrou em campo pelo Coritiba. No caso de Bruno Henrique, ex-Palermo, e de Deyverson, ex-Alavés, a impossibilidade de inscrição se deu porque a dupla foi contratada depois do prazo.

Os cinco ausentes foram titulares na última partida do time, contra o Sport, na Arena Pernambuco. O Palmeiras venceu por 2 a 0. Mesmo sem poder atuar, o quinteto foi para Belo Horizonte junto com o elenco para participar dos treinos e a pedido de Cuca, reforçar o ambiente de união do grupo. Após o empate em 3 a 3 no jogo de ida, a equipe precisa de uma vitória no Mineirão para avançar.

A Copa do Brasil não permite alteração na lista de inscritos para o torneio, ao contrário do que é feito na Copa Libertadores. A competição sul-americana dá aos clubes o direito de realizar trocas entre os 30 relacionados inclusive antes de fases decisivas, como as oitavas de final e a semifinal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.