Arquivo/Estadão
Arquivo/Estadão

Palmeiras testa Felipe Menezes como armador em jogo contra o Boa Esporte

Meia de 25 anos ganha primeira chance como titular na função que é de Valdivia

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

24 de agosto de 2013 | 08h00

SÃO PAULO - O meia Felipe Menezes será titular pela primeira vez no Palmeiras neste sábado, contra o Boa Esporte, em Varginha (MG), pela Série B. O jogador de 25 anos ganha a chance no cargo de único articulador do time, setor de bastante rotatividade pelos problemas recorrentes de lesão do chileno Valdivia.

Felipe chegou ao clube em julho e tem arrancado elogios do técnico Gilson Kleina. "Ele vem entrando nos jogos e tem feito uma sequência muito boa. É um atleta muito importante para nosso time", afirmou.

A chance para Felipe Menezes chega em um momento em que a equipe poupa as principais peças para a Copa do Brasil. O substituto imediato de Valdivia, o paraguaio Mendieta, ficará no banco de reservas diante do Boa Esporte e abre espaço para a titularidade do camisa 40.

Diante da equipe mineira a aposta é que Felipe seja o toque de criatividade em um meio-campo marcador. Serão dois volantes de contenção (Eguren e Márcio Araújo) e por isso a aposta é que o meia assuma a responsabilidade de servir Ananias e Alan Kardec. Até porque na formação tática usada pelo Palmeiras, o 4-3-1-2, recai sobre o homem mais avançado todo esse papel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.