Palmeiras treina contra o Juventus

Taça Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil. A quarta-feira promete grandes partidas para as equipes do País. E o Palmeiras também vai jogar. Só que, enquanto os arqui-rivais têm jogos importantes - o Corinthians joga contra The Strongest, pela competição sul-americana, o Santos, que defende o título nacional enfrenta o Paysandu e o São Paulo duela com o Figueirense no caminho mais curto para retornar à Libertadores - o Alviverde recebe, na Academia de Futebol, para jogo-treino, o Juventus, já que o Paulista (um dos adversários no Brasileiro da Série B), desistiu do duelo. O técnico Jair Picerni quer aproveitar o desafio para dar ritmo ao time para a Série B, na qual estréia dia 26. "Temos de mostrar motivação." Mas a insatisfação com a falta de partidas fica visível. O último jogo oficial foi no dia 26 de março, contra o Criciúma, e o próximo será só daqui a 15 dias, com Atlético-RR ou Vitória. "O importante seria já ter feito jogos, estar com o grupo definido." Os jogadores até se esforçam para dizer que os testes, como o de amanhã, são importantes. "Serve para pegar ritmo, para chegar bem nos jogos", disse, sem convencer, Munõz. "Bom para aperfeiçoarmos o condicionamento, temos de encarar como oficial", enfatizou Zinho. O discurso politicamente correto acaba quando lembra da rodada da noite. "É dolorido, mas temos de ser profissionais. Motivação é saber que está treinando para um jogo importante." Novo Dunga - O volante Fábio Gomes, de 22 anos, foi apresentado hoje. Chegou dizendo estar realizando um sonho e que se espelha em Dunga para jogar. "Na Série B os adversários são sempre duros e sou daqueles volantes que chegam firme e não deixam o rival jogar."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.