Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Palmeiras vai subir para a Série A sem ajuda do tapetão, avisa Tirone

Presidente do clube alviverde provoca o Flu e diz que time vai voltar ao grupo de elite 'jogando bola'

DANIEL BATISTA, Agência Estado

21 de novembro de 2012 | 08h40

SÃO PAULO - O presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, disse algumas vezes, desde o rebaixamento para a Série B do Brasileiro, que não sabe exatamente quais os motivos que fizeram o time cair. Mas ele deixou claro que sabe muito bem como a equipe vai conseguir voltar para a elite: jogando bola. A óbvia resposta é uma provocação para o Fluminense.

"O Palmeiras vai voltar para a Série A jogando bola. Teve time que em 2002 (na verdade, o caso do Fluminense foi em 1998) caiu para a Série C e voltou para a Série A com convite. Nós não vamos fazer isso. Vamos montar um time forte e subiremos na bola", declarou Tirone, ironizando a virada de mesa que ajudou o clube carioca.

O dirigente também negou a possibilidade de montar um time para a disputa da Libertadores e outro diferente para a Série B, os dois principais compromissos palmeirenses em 2013. "Nós temos de pensar em um time forte para disputar bem todas as competições. Não vamos priorizar nada. O Palmeiras vai trazer jogadores que querem jogar pelo Palmeiras, independente da divisão ou da competição", avisou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasArnaldo Tirone

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.