José Patrício/AE
José Patrício/AE

Palmeiras vence o Americana e retoma a liderança do Paulistão

Com gol de Kleber, time ganha por 1 a 0 e volta a superar o Santos na classificação

TERCIO DAVID - estadão.com.br

12 de fevereiro de 2011 | 21h19

O Palmeiras voltou à liderança do Paulistão. Com gol de Kleber, o time alviverde venceu o Americana por 1 a 0 neste sábado, pela oitava rodada do campeonato e voltou a superar o Santos na classificação.

Com o resultado, o Palmeiras chegou a 19 pontos, um a mais que o Santos - que na véspera havia batido o Noroeste. Com 13 pontos, o Americana corre o risco de perder o terceiro lugar, dependendo dos resultados dos jogos de domingo.

Na próxima rodada, o Palmeiras visita o Mogi Mirim, no Romildo Ferreira, no domingo, dia 20, às 16 horas. Na véspera, às 17 horas, o Americana recebe o Ituano, no Décio Vitta.

Só na vontade. Novamente o Palmeiras mostrou muita disposição, mas pouca criatividade no meio de campo. Mesmo após o retorno aos treinos, Valdivia não atuou contra o Americana, por opção do técnico Felipão.

No primeiro tempo, o time dominou o jogo, mas não conseguiu assustar o bem arrumado Americana e chegou apenas uma vez, numa batida de falta de longe de Marcos Assunção, que passou perto da trave.

Outro ponto falho do time na primeira etapa foi o fraco desempenho do lateral-direito Cicinho, que vinha sendo o desafogo criativo do Palmeiras.

No começo do segundo tempo, Cicinho fez sua primeira boa jogada e o Palmeiras quase marcou aos 6, quando, após jogada de linha de fundo e o cruzamento rasteiro, Kleber bateu bem e exigiu defesa espetacular do goleiro Jailson.

Jailson, aliás, teve outra grande intervenção, já no final do jogo, após levantamento da esquerda de Patrik, que Kleber cabeceou no ângulo para defesa do goleiro, numa bela ponte.

Com o time apático, o gol do Palmeiras só saiu graças a uma falha incrível do Americana. Aos 9, numa saída de jogo errada, Luiz Felipe acabou fazendo um belo passe para Kleber, que recebeu na entrada da área, deslocou a marcação e bateu no canto, sem chance para Jailson.

O gol mudou muito pouco a dinâmica do jogo. O Palmeiras continuou dominando o jogo, mas ainda sem objetividade. O Americana, agora precisando do gol, até se arriscou mais no ataque, mas não muito, afinal uma derrota fora de casa, contra um dos grandes do Paulistão, seria um resultado esperado.

PALMEIRAS - 1 - Deola, Cicinho, Thiago Heleno, Danilo, Rivaldo, Tinga (João Vitor), Marcos Assunção, Márcio Araújo, Patrik, Kleber e Luan (Chico). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

AMERICANA - 0 - Jailson, Luiz Felipe, Jorge Luiz, Júlio César, Vinicius, Léo Silva, Gercimar, Marcinho (Kassio), Fumagalli, Charles (Jhon) e Rafael Chorão (Magal). Técnico: Edinho.

Gol - Kleber, aos 9 minutos do segundo tempo; Cartões amarelos - Charles, Vinicius, Patrik; Árbitro - Rodrigo Braghetto; Público - 9.898; Renda - não disponível; Local - estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP).

Veja também:

PAULISTÃO - tabelaClassificação | listaResultados

especialCALENDÁRIO - O caminho de cada time

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.