Clayton de Souza/Estadão - 16/08/2013
Clayton de Souza/Estadão - 16/08/2013

Palmeiras volta atrás e quer que Mendieta e Wesley cumpram gancho

Clube quer que os dois atletas sejam punidos o quanto antes para repor ausência de Valdivia

DANIEL BATISTA, Agência Estado

26 de setembro de 2013 | 18h01

SÃO PAULO - O Palmeiras decidiu pedir que o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) cancele um efeito suspensivo que deu em favor do próprio clube. Com Valdivia convocado pela seleção chilena, o meia vai desfalcar a equipe em três rodadas da Série B do Brasileirão. E, para não ficar sem Mendieta e Wesley, o Palmeiras quer que ambos cumpram logo a suspensão que lhes foi imposta.

Ambos se envolveram em confusões durante jogo contra o Paysandu, pela Série B, no dia 17 de agosto, no estádio do Pacaembu. Wesley foi expulso na partida e recebeu suspensão de dois jogos (além da automática) por ato hostil. Já Mendieta foi suspenso por quatro partidas por agressão contra Fábio Sanches durante briga generalizada no segundo tempo do jogo vencido pelo Palmeiras por 3 a 2.

Ambos cumpriram dois jogos da punição antes de o Palmeiras conseguir efeito suspensivo. Com o pedido de cancelamento aceito, ambos desfalcam a equipe sábado, contra o América-RN, e Mendieta também não enfrenta o Oeste, terça-feira.

Desta forma, ficam disponíveis para pegar o ABC e, em seguida, para a sequência de jogos em que Valdivia (e provavelmente também Eguren) estarão com suas seleções disputando as Eliminatórias. Nesse período, a equipe alviverde pega Figueirense, Guaratinguetá e Icasa.

Dentro do clube, porém, há quem confie que Mendieta também virará desfalque para esses jogos. Como vem atuando bem, ele pode ser chamado para as duas últimas rodadas das Eliminatórias, até para ser observado pelo técnico do já eliminado Paraguai.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasSérie B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.