Alex Silva/ Estadão
Alex Silva/ Estadão

Palmeirense Borja pode ganhar sequência após lesão de Willian

Atacante está com edema muscular na coxa direita e ficará fora por até três semanas

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

20 Outubro 2017 | 16h46

Com um edema na coxa direita, confirmado por exames realizados nesta sexta-feira, o atacante Willian deve ficar fora do Palmeiras por três semanas. A informação foi confirmada pela assessoria do Palmeiras.

+ Alberto Valentim despista sobre continuidade no Palmeiras em 2018

Depois de participar do primeiro gol do Palmeiras na vitória sobre a Ponte Preta por 2 a 0, nesta quinta-feira, Willian sentiu desconforto e pediu para ser substituído. Borja entrou em seu lugar e fez o segundo gol, encerrando um jejum de quatro meses sem marcar.

A mudança realizada no jogo no Pacaembu deverá ser repetida para a partida contra o Grêmio, domingo. Depois de marcar um gol diante da Ponte, quando deu um chapéu no goleiro Aranha, e completou para as redes, ele poderá ser escalado como titular novamente. Após a partida, o técnico Alberto Valentim mostrou satisfação, mas avisou que ele precisa se esforçar mais. 

"Fico feliz pelo Borja, ele teve a oportunidade após a lesão do Willian. Já está treinando melhor, tem de se esforçar mais para atingir o futebol que a gente conhece dele. Falei para ele fazer o que a gente havia treinado. Ele fez um bonito gol e nos ajudou a ter uma vitória mais tranquila", disse o treinador. 

Após a partida, Borja já fez planos para a partida contra o Grêmio. “O objetivo é ficar entre os quatro primeiros. O Corinthians está jogando muito bem e tem o título nas mãos. Se eles deixarem escapar, temos que aproveitar. Mas agora temos de pensar no Grêmio”. disse Borja, após a vitória sobre a Ponte Preta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.