Palmeirenses querem quebrar tabu na Arena da Baixada

Os jogadores do Palmeiras estão motivados para vencer o Atlético Paranaense, no domingo, e quebrar o tabu de nunca ter saído da Arena da Baixada, em Curitiba, com uma vitória. "Tabus existem para serem quebrados e, às vezes, é até motivante. Se vencermos, ficaremos marcados como o elenco que venceu a primeira na Arena", afirmou o volante Sandro Silva. Para o zagueiro Gustavo, o Palmeiras tem condições de obter três pontos nessa rodada, mas lembrou das dificuldades de jogar na Arena. "Estamos num momento importante da competição, cada ponto é precioso. Dos times que estão na ponta, somos os únicos que vamos jogar fora de casa. Mas temos que entrar em campo respeitando o Atlético. Mesmo não vivendo uma boa fase, eles são muito fortes quando jogam em casa". Já o técnico Vanderlei Luxemburgo preferiu deixar o assunto de lado e lembrar da influência da torcida do Atlético no resultado da partida. "Não levamos isso para dentro do jogo. Mas tabus existem para serem quebrados. Se a gente entrar na Arena com medo, vamos perder mesmo. Lá é muito difícil de jogar, pois o Atlético possui uma torcida efetiva, que participa com o time. Temos que encarar como um desafio importante", declarou o treinador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.