Pantanal e Amazônia terão sedes da Copa, diz ministro

Orlando Silva disse ter recebido essa garantia da Fifa, em razão do potencial turístico das duas regiões

AE, Agencia Estado

29 de janeiro de 2009 | 13h43

O ministro do Esporte, Orlando Silva Júnior, afirmou nesta quinta-feira que uma capital da região do Pantanal e outra da Amazônia estarão entre as 12 sedes da Copa do Mundo de 2014 que serão escolhidas em março pela Fifa. Manaus e Belém concorrem à vaga "amazônica", enquanto Cuiabá e Campo Grande disputam a outra sede.Veja também: TV Estadão: A visita de Joseph Blatter ao Brasil  Joseph Blatter entrega flâmula da Fifa ao presidente Lula Presidente da Fifa confirma Copa de 2014 com 12 cidades Serra reforça que abertura da Copa deve ser em São PauloSilva disse ter recebido essa garantia da Fifa por causa do potencial turístico das duas regiões. Ele se encontrou com o presidente da entidade, Joseph Blatter, que esteve em Brasília nesta quinta para se encontrar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.Segundo o ministro, Blatter saiu do encontro satisfeito por constatar que os Estados e o governo federal darão a garantia para a organização dos jogos. Na sexta-feira, uma comitiva da Fifa começa a visitar as 17 cidades que pleiteiam ficar entre as 12 sedes. A comitiva fará inspeções e conversará com autoridades locais, mas Blatter não estará nessas visitas.Orlando Silva reconheceu que nenhuma das cidades está hoje plenamente preparada para receber jogos da Copa do Mundo. "Há cidades que precisam modernizar os estádios, reformar aeroportos, em outras a rede hoteleira precisa ser expandida. Há diferentes demandas, mas creio que a Fifa irá analisar também a capacidade de realização de investimentos", disse Silva.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa de 2014Orlando Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.