Paquetá garante que a Arábia Saudita passará às oitavas

O técnico da Arábia Saudita, o brasileiro Marcos Paquetá, disse nesta segunda-feira que sua equipe deverá passar para a segunda fase do Mundial, apesar da seleção árabe ter perdido 10 dos 14 jogos preparatórios para a Copa. O treinador rebateu as críticas recebidas pela má campanha na fase de preparação afirmando que, mais importante do que ganhar amistosos, é ensaiar jogadas táticas. "Teria sido fácil escolher adversários fracos, mas preferi enfrentar equipes fortes para colocar o time à prova", disse Paquetá na concentração na seleção, em Bad Nauheim, ao norte de Frankfurt.As críticas ao técnico cresceram depois da derrota por 1 a 0 diante da Turquia, no último amistoso, mas Paquetá não pareceu preocupado. "Não estou aqui somente para competir. Vim para passar para a segunda fase. Os jogadores sabem o que é enfrentar rivais de qualidade e jogar bem".Neste domingo, a Arábia Saudita venceu um combinado da cidade em que está concentrada por 15 a 0. Apesar da fragilidade do adversário, Paquetá disse que o treino foi útil, "porque nos deu a oportunidade de experimentar formações diferentes e me permitiu colocar em ação jogadores que não vinham atuando". Presente ao jogo-treino, o presidente da Federação Árabe, o príncipe Sultan bin Fahd, disse que confia na equipe para a estréia contra a Tunísia, no dia 14. "Respeitamos os tunisianos, mas estamos prontos, com o moral alto".A Arábia Saudita não teve uma boa participação na última Copa, realizada na Coréia do Sul e Japão: perdeu na estréia para a Alemanha por 8 a 0 e foi eliminada na primeira fase, com três derrotas e sem ter marcado nenhum gol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.