Para Autuori, jogadores do Grêmio deixaram de atacar

O técnico Paulo Autuori demonstrou insatisfação com o ataque do Grêmio após sofrer a sua primeira derrota no comando o time. "Nós defendemos bem, mas não atacamos", afirmou o treinador, depois de perder para o Vitória, em Salvador.

AE, Agencia Estado

31 de maio de 2009 | 20h25

Autuori reconheceu o esforço dos seus jogadores, mas não gostou da atitude dentro de campo. "Os jogadores foram heroicos, lutaram bastante. O campo é irregular. Mas, na hora de jogar, deixamos a desejar", analisou.

Na avaliação do técnico, o time reagiu no segundo tempo, mas não foi eficiente nas finalizações. "Tivemos umas três saídas no final do jogo que poderíamos ter aproveitado. Melhoramos no segundo tempo, mas ficamos acuados depois da expulsão", disse, se referindo ao cartão vermelho recebido pelo atacante Jonas.

O Vitória marcou o único gol da partida aos 48 minutos do segundo tempo. "Futebol é assim, perdemos no final agora, mas um dia vamos ganhar, é do jogo. O adversário trabalhou para ganhar o jogo, tem méritos", reconheceu Autuori.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.