Para Bonamigo, torcida está orgulhosa

O técnico Paulo Bonamigo mostrou nesta segunda-feira desconhecer um pouco a história de títulos do Botafogo conquistados ao longo de seu centenário, comemorado no ano passado. Um dia após o fiasco nas semifinais da Taça Guanabara, o treinador declarou que o torcedor não saiu decepcionado e, inclusive, tem razão para se sentir orgulhoso da atuação do Alvinegro na derrota para o Americano, por 2 a 1, num Maracanã com mais de 70 mil pessoas. ?Todos estão tristes, sentidos. Mas quem foi ao Maracanã não saiu decepcionado. Viu que o resultado não foi justo. A equipe se entregou, criou dificuldades, foi ousada, mas não concluiu bem as oportunidades. Pelo menos a torcida percebeu o esforço dos jogadores e saiu orgulhosa do estádio?, afirmou Bonamigo, que contestou às críticas sobre a escalação de três volantes. Segundo ele, Juca atuou como um ?volante ofensivo?, mesma posição em que foi o melhor em campo na vitória sobre o América, por 3 a 2, na abertura do Campeonato Carioca. ?Ele tinha liberdade para criar e encostar nos atacantes. Se o Botafogo tivesse vencido, nada disso seria comentado?. O treinador somente demonstrou um ar de preocupação quando notou falta de alegria no treino desta segunda-feira. A ordem em General Severiano é reanimar os jogadores para a estréia na quarta, na Copa do Brasil, contra o São Raimundo, de Roraima, fora de casa.

Agencia Estado,

14 de fevereiro de 2005 | 19h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.