Para evitar desgaste, Fumagalli será poupado pelo Guarani na sexta

Veterano meia não enfrenta o Criciúma, pela 8ª rodada da Série B

Estadao Conteudo

14 de junho de 2017 | 20h22

Com o Guarani na vice-liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Osvaldo Alvarez, o Vadão, segue atento a todos os detalhes e apegado às suas convicções para não deixar o time de Campinas (SP) cair de rendimento. Após a vitória por 2 a 0 sobre o Paysandu, na última terça-feira, ele deve poupar o meia Fumagalli pela terceira vez em oito jogos, agora no duelo contra o Criciúma, nesta sexta, em Santa Catarina, em jogo válido pela oitava rodada.

A exemplo do que ocorreu em outras partidas fora de casa, o capitão do time campineiro não deve viajar para Criciúma (SC). Até o momento, o jogador de 39 anos disputou um jogo como visitante - na derrota por 3 a 1 para o Vila Nova, em Goiânia. No revés por 2 a 1 para o Santa Cruz e na vitória por 2 a 1 sobre o Paraná, ele não foi relacionado.

Enquanto isso, todos os jogos disputados no estádio Brinco de Ouro tiveram a presença de Fumagalli no time titular - foram quatro jogos e quatro vitórias. Existe uma grande preocupação da comissão técnica em preservar o meia para evitar problemas por desgaste físico.

Outro jogador que deve ser poupado é o volante Auremir, que disputou todos os jogos da Série B até agora. Ele deve ser substituído por Brener. O meia Bruno Nazário também é observado com cuidado pelo departamento de fisiologia, mas deve ser relacionado, com a possibilidade de começar no banco de reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.