Divulgação
Divulgação

Para incentivar doação de órgãos, Vitória lança escudo com velcro

Clube baiano faz campanha em partida pela Copa do Brasil

O Estado de S. Paulo

14 de abril de 2015 | 16h51

Para promover a doação de órgãos, o Vitória vai entrar em campo nesta terça-feira, contra o Anapolina, em Salvador, pela Copa do Brasil, com uma camisa especial, que tem o escudo do clube removível, com aplicação de velcro. Assim, no momento que um jogador for substituído, ele vai retirar o escudo de seu uniforme e colocar na camisa do companheiro.

A ideia do Vitória é passar a mensagem de que "quando o jogo acaba para alguém, ele pode continuar para outra pessoa. Seja um doador. Avise a sua família". Para promover a ação, o clube baiano fez uma parceria com a ABTO (Associação Brasileira de Transplante de Órgãos) e no início do jogo, os reservas ficarão ao lado dos titulares para mostrar a mensagem que foi aplicada no lugar do escudo do time: "Seja um doador de órgãos".

Segundo o clube, a ideia é "lembrar que no Brasil existem milhares de pessoas na fila, esperando por um órgão, e que esse é um tema de extrema importância para a sociedade. Apesar do crescente número de doadores efetivos, que em 2014 aumentou 7,6%, o Brasil continua em torno de 5% abaixo da taxa prevista, com 25 mil pessoas na fila por um transplante. Entre as causas, os índices de não autorização familiar ainda são elevados, chegando a 46% no País e 62% no estado da Bahia."

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
FutebolEC VitóriaCopa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.