Para Luxemburgo, empate no Peru foi 'ótimo resultado'

'Sul-Americana é igual Libertadores, empatar fora é sempre um ótimo resultado', afirma o treinador

AE, Agencia Estado

25 de setembro de 2008 | 00h36

O empate por 0 a 0 do Palmeiras com o Sport Ancash, no Peru, nesta quarta-feira, foi considerado "muito bom" pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, que lamentou apenas a dificuldade de seus atletas no campo de grama sintética do Estádio Nacional de Lima.       Veja também:   Reservas do Palmeiras empatam com o Sport Áncash por 0 a 0  Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Resultados e calendário da Sul-Americana"O campo não ajudou porque tirou a qualidade dos nossos jogadores. Mas o resultado foi muito bom. Sul-Americana é igual Libertadores, empate fora é sempre um ótimo resultado. Decidir em casa é uma grande vantagem", afirmou o treinador, que busca seu primeiro título internacional pelo Palmeiras.O resultado no Peru também agradou ao goleiro Marcos. "O empate com o Sport Ancash foi bom porque jogamos fora de casa. Acredito que até poderíamos ter vencido se o gramado fosse natural. É difícil se acostumar com essa grama sintética", declarou o jogador.O atacante Denílson, único jogador do Palmeiras a atuar com tênis apropriado para grama sintética, também gostou do empate. "Não foi fácil como a imprensa dizia que iria ser. O time deles esteve bem postado e não conseguimos fazer o gol, mas o empate foi muito bom pra gente", ressaltou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.