Para Muricy, São Paulo perdeu o título no Morumbi

Para Muricy Ramalho, a derrota na decisão da Libertadores aconteceu em São Paulo, na derrota da semana passada e não no empate desta quarta-feira. "Pecamos no Morumbi, mas aqui em Porto Alegre foi valente, lutou. Poderíamos até ganhar. Mas o futebol é assim mesmo. Mas foi uma final histórica. Ninguém vai esquecer. Ninguém", disse."Quando assumi falei que era difícil assumir um time que ganhou tudo e ter de levar o time até uma outra final. Eu consegui, mas não posso estar satisfeito. Queríamos muito ser campeões. Mas não vamos lamentar. O São Paulo fez tudo o que poderia para ganhar", afirmou.Quanto à perda de Ricardo Oliveira, Muricy Ramalho não quis atribuir a ausência do jogador o vice-campeonato. "O Aloísio fez tudo o que poderia. E foi bem. Não foi pela falta do Ricardo Oliveira. E eu também não quis que o nosso clube mentisse falando que ele iria jogar. Não quis que se repetisse a situação de 1977 quando ameaçaram colocar o Serginho e não puseram. Comigo não."A preocupação no vestiário do São Paulo era levantar a cabeça. Coube a Souza assumir : em 2007 a história será diferente. "Nós não podemos abaixar a cabeça. Fizemos uma ótima Libertadores e perdemos apenas a decisão. Queremos dar a volta por cima no próximo ano. Vamos primeiro fazer tudo para ganhar não só a vaga mas o Brasileiro. E aí, em 2007 tudo será diferente", promete."Eu acho que todos os meus jogadores precisam ter a certeza de que o papel do São Paulo foi muito bem cumprido na Libertadores. Não há nada a lamentar", dizia o supervisor e médico Marco Aurélio Cunha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.