Para Ney Franco, Ganso precisa de sequência de jogos

Treinador são-paulino considera que estreia do meia foi dentro do esperado

AE, Agência Estado

18 de novembro de 2012 | 20h58

SÃO PAULO - O técnico do São Paulo, Ney Franco, elogiou o desempenho de Paulo Henrique Ganso, que estreou pela equipe neste domingo, na vitória por 2 a 1 sobre o Náutico. No entanto, admitiu que o meia ainda precisa de ritmo de jogo para mostrar todo o seu potencial.

"Foi dentro do esperado. Jogou o tempo que atuou no jogo-treino da última quinta-feira. Ele correspondeu as expectativas, ajudou na virada. É um jogador que precisa de uma sequência, mas a camisa do São Paulo caiu muito bem nele", disse.

Ney Franco também fez uma avaliação sobre como foi a atuação de toda a equipe no jogo. Segundo ele, o São Paulo, apesar de dominar a disputa, só se saiu melhor na última etapa, quando saíram os gols de Luis Fabiano e Rogério Ceni.

"Jogamos o suficiente para ganhar. O Náutico veio com uma proposta muito forte. No segundo tempo o nosso time se soltou mais, encaixamos na marcação. Isso foi importante, conseguimos os dois gols para coroar mais uma vitória no Brasileiro", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSão PauloGanso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.