Divulgação
Divulgação

Para Oswaldo, Botafogo não mereceu perder na Bahia

Na análise do treinador, o time carioca criou mais chances do que os donos da casa

Agência Estado

18 de outubro de 2013 | 07h45

SALVADOR - O técnico Oswaldo de Oliveira considerou injusta a derrota do Botafogo para o Vitória, por 1 a 0, quinta-feira à noite, no Barradão. Na análise do treinador, o time carioca, que criou mais chances do que os donos da casa, merecia ter saído de campo em Salvador com um resultado melhor. "O Botafogo jogou um jogo que não deveria ter perdido. Teve as chances mais agudas do jogo, as mais claras, as mais convincentes, mas não conseguiu converter", comentou Oswaldo de Oliveira, após a partida.

A história do jogo poderia ter sido outra se Rafael Marques, principalmente, mas também Henrique e Lodeiro não tivessem desperdiçado oportunidades clara. Para o treinador, porém, a culpa dos erros não foi da ansiedade. "Teve duas bolas do Rafael (Marques) que eu achei que ele iria fazer o gol porque normalmente ele faz, e outras nós pecamos de uma forma ou de outra. O fator principal não foi a ansiedade. Pode ter tido parte, mas não foi o principal", comentou Oswaldo.

O treinador, porém, também reconheceu os méritos do Vitória: "O Ney fez um trabalho muito bom no Vitória. Mudou algumas peças, perdeu alguns jogadores, e hoje o time lembra muito o início com o Caio, com jogadas muito bem treinadas, muito bem organizadas".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.