Para Platini, não houve muita qualidade na Copa até agora

O ex-jogador francês Michel Platini, vice-presidente da Fifa, afirmou nesta segunda-feira que não houve muita qualidade no Mundial da Alemanha, até agora. "Tivemos alguns bons jogos e outros nem tanto, mas, em geral, acho que o nível do futebol não está sendo particularmente alto", disse àrevista alemã Kicker.Platini, maior artilheiro da história da seleção francesa, com 41 gols, acha que parte da culpa é da enorme pressão sobre os jogadores, o que faz com que eles não queiram arriscar. "Quando eu estava em atividade, em 1984 (quando venceu a Eurocopa, contra a Espanha), por exemplo, eu podia falar com um só jornalista. Atualmente, uma tropa de repórteres acompanha os jogadores", ressaltou.O ex-jogador também não está contente com o nível da arbitragem, que já mostrou 27 cartões vermelhos e 292 amarelos durante a competição. "O futebol é um jogo de homens, e fico surpreso ao ver um cartão amarelo dado no momento em que uma pequena falta acontece", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.