Para suecos, Brasil não é bicho-papão

O técnico sueco, Lars Lagerbaeck, considera o Brasil o principal candidato ao título da Copa do Mundo de 2006, mas faz um alerta. Segundo ele, a equipe de Parreira não é invencível e, com um bom planejamento tático, poderá ser derrotada. ?O Brasil é o grande favorito, porém, terá um caminho complicado pela frente. Jogando taticamente e de uma forma inteligente, há muitas equipes que, em um bom dia, podem vencer os brasileiros?, diz Lagerbaeck.O técnico-assistente, Roland Andersson, reconhece que os brasileiros são "excelentes", porém tão difícil quanto enfrentar o Brasil , será jogar contra a França, Inglaterra, Espanha, Alemanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.