Divulgação
Divulgação

Para Vitor Hugo, reforços aumentam pressão no Palmeiras

Com Leandro Almeida e Barrios, alviverde completa 24 contratações

PAULO FAVERO, Estadão Conteúdo

18 de junho de 2015 | 15h14

Com o elenco para a temporada praticamente definido, após a diretoria do Palmeiras confirmar o acerto com o atacante argentino naturalizado paraguaio Lucas Barrios e ter quase certo o zagueiro Leandro Almeida, do Coritiba, agora o grupo alviverde terá de se entrosar o mais rápido possível, em meio à disputa do Campeonato Brasileiro.

No total serão 24 reforços e a expectativa agora fica em cima do trabalho do técnico recém-contratado Marcelo Oliveira. Para o zagueiro Vitor Hugo, a chegada de tantos jogadores foi boa por um lado, mas a pressão aumentou bastante porque a torcida ficou eufórica com tantas novidades no elenco.

"Eu vi uma entrevista do (lateral-direito) Lucas e ele falou sobre isso. No início do ano criou-se uma expectativa muito grande e quando o resultado não veio, gerou dúvidas sobre os atletas. Isso foi complicado para quem chegou no clube e não teve tanto tempo para adaptar, pois já tinha de mostrar serviço logo", contou o zagueiro.

Desde a chegada de Alexandre Mattos, diretor de futebol do clube, o Palmeiras contratou atletas em profusão. Com tantas mudanças, pois foram mais de dois times de reforços, a briga por uma vaga na equipe foi maior. "Chegar em um clube novo é difícil. Se tivesse uma base formada, seria mais difícil de jogar. E desta forma também acaba se conhecendo mais fácil, pois não tem grupos fechados", continuou Vitor Hugo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasVitor Hugobrasileirao

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.