Juan Medina/Reuters
Juan Medina/Reuters

Paraguai acerta com técnico argentino Eduardo Berizzo para o lugar de Osorio

Associação Paraguaia de Futebol espera vaga para a Copa de 2022

Redação, Estadão Conteúdo

18 de fevereiro de 2019 | 12h30

Menos de uma semana depois de o colombiano Juan Carlos Osorio deixar o cargo alegando problemas pessoais, a seleção do Paraguai já tem um novo técnico. Trata-se do argentino Eduardo Berizzo, de 49 anos, que terá a sua primeira experiência em uma equipe nacional na carreira. O anúncio foi feito nesta segunda-feira pela Associação Paraguaia de Futebol (APF, na sigla em espanhol) em seu site oficial. A apresentação será nesta sexta, em Assunção.

O treinador argentino tem um currículo extenso por clubes da América do Sul e da Europa. Começou a carreira no Estudiantes, da Argentina, em 2011, e depois trabalhou no O´Higgins, do Chile. De lá partiu em 2014 para o continente europeu, onde comandou três clubes na Espanha: Celta, Sevilla e Athletic Bilbao, de onde foi demitido em dezembro passado.

Como jogador profissional, que durou de 1988 a 2006, Eduardo Berizzo jogou como zagueiro no Newell´s Old Boys e River Plate, da Argentina; Atlas, do México; Olympique de Marselha, da França; e Celta e Cádiz, da Espanha. Defendeu também a seleção de seu país em duas edições da Copa América (1997 e 1999), mas nunca jogou uma Copa do Mundo.

Com um contrato válido até o final de 2022, Eduardo Berizzo terá como primeira missão os amistosos contra Peru e México no mês de março. Para a APF, estes jogos são considerados fundamentais para ajeitar a seleção que disputará a Copa América, em junho e julho, no Brasil. O Paraguai está no Grupo B ao lado de Argentina, Colômbia e Catar.

Mas o que os dirigentes paraguaios querem mesmo é a classificação à Copa do Mundo de 2022, que será no Catar. O país não disputa um Mundial desde 2010, quando parou na fase de grupos da África do Sul.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.