Jorge Silva/Reuters
Jorge Silva/Reuters

Paraguai bate Venezuela e praticamente elimina adversário

Mesmo classificado para a Copa do Mundo de 2010, seleção venceu por 2 a 1; Cabañas e Cardozo marcaram

AE, Agencia Estado

10 de outubro de 2009 | 22h17

Já garantido na África do Sul, o Paraguai praticamente acabou neste sábado com as esperanças da Venezuela de ir à sua primeira Copa do Mundo. Mesmo jogando fora de casa, em Puerto Ordaz, o vice-líder das Eliminatórias venceu por 2 a 1, frustrando os venezuelanos, que dependiam de uma vitória em casa para ficarem em boas condições de brigar por uma vaga na repescagem.

Veja também:

linkConfira os novos classificados 

especialMAPA - Os países que já garantiram vaga na Copa

especialELIMINATÓRIAS - Mais no canal especial

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O resultado manteve o Paraguai em segundo, com 33 pontos, mesma pontuação do Brasil, que joga neste domingo contra a Bolívia, em La Paz. Pela última rodada, na quarta-feira, os paraguaios recebem a eliminada Colômbia em Assunção. No mesmo dia, a Venezuela encara a seleção brasileira em Campo Grande, precisando de uma goleada para ainda sonhar com a vaga. Com 21 pontos, o venezuelanos só podem chegar à mesma pontuação do quinto colocado Uruguai.

Jogando diante de sua torcida, a Venezuela segurou o empate sem gols até o início do segundo tempo, quando o artilheiro do Paraguai nas Eliminatórias colocou os visitante em vantagem. Aos dez minutos, Cabañas fez 1 a 0. Sem conseguir reagir, os anfitriões ainda viram Cardozo ampliar aos 34. O gol venezuelano só saiu aos 41, com Rondon, mas não havia mais tempo para a reação.

Para ficar com a quinta colocação, que dá vaga à repescagem, a Venezuela precisa tirar uma diferença de 15 gols de saldo que tem para o Uruguai. Para isso, teria que golear o Brasil e torcer por uma goleada da Argentina sobre os uruguaios. Além disso, o Equador, que tem 23 pontos e joga contra o já classificado Chile em Santiago, não poderia passar de um empate.

Ficha Técnica:

Venezuela 1 x 2 Paraguai

Venezuela - Vega; Boada, Lucena, Fuenmayor e Vizcarrondo; Rincon, Seijas (Rosales), Gonzalez (Rondon) e Arango; Fedor e Maldonado (Moreno). Técnico: César Farías.

Paraguai - Villar; Veron, Caniza, Da Silva e Alcaraz; Ortigoza, Vera, Riveros e Martinez (Ledesma); Cabañas (Cardozo) e Valdez (Benítez). Técnico: Gerardo Martino.

Gols - Cabañas, aos dez, Cardozo, aos 34, e Rondon, aos 41 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Boada (Venezuela); Paraguai (Veron).

Árbitro - Carlos Chandia (Fifa-Chile).

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Estádio Cachamay, em Puerto Ordaz (Venezuela).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.