Paraná goleia e garante vaga no octogonal do estadual

O Paraná Clube goleou o Iguaçu por 4 a 1, na noite desta quarta-feira, no Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba, e garantiu uma das vagas no octogonal decisivo do Campeonato Paranaense, garantindo a quinta colocação. O time corria o risco de ser rebaixado, mas as vitórias nas duas últimas rodadas mantiveram a equipe na briga pela classificação.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

26 de março de 2009 | 00h07

Num jogo bastante movimentado, o Paraná abriu o placar aos 8 minutos, por meio de Bruninho. O domínio ampliou-se aos 24 minutos, quando marcou o segundo gol por meio de Agenor. No lance, o goleiro Leandro foi expulso e o técnico tirou o atacante Alan para a entrada do goleiro Júnior. No segundo tempo, o panorama não mudou e Wellington Silva fez o terceiro, aos 7, e o quarto, aos 21. Correndo bastante, o Iguaçu diminuiu aos 40, com Marcos Paulo.

Os quatro primeiros colocados já tinham conseguido a classificação antes desta rodada. Nesta quarta apenas confirmaram as colocações. O Atlético garantiu o primeiro lugar ao vencer o Engenheiro Beltrão por 4 a 1, em Curitiba. O time leva dois pontos para o octogonal.

Em Londrina, o Coritiba perdeu para o Londrina, por 2 a 1, mas continuou na segunda colocação e leva um ponto extra. À tarde, o Nacional, terceiro colocado, empatou com o J.Malucelli, quarto colocado, por 0 a 0.

O Iraty conseguiu a sexta colocação ao vencer por 2 a 1 o Cianorte, que ficou com o sétimo lugar. A última vaga foi conquistada pelo Paranavaí, com um empate por 0 a 0 com o Cascavel. Do outro lado da tabela, Iguaçu, Londrina e Foz do Iguaçu, que perdeu por 4 a 1 para o Toledo, acabaram rebaixados para a segunda divisão.

As datas e a tabela para a fase decisiva devem ser conhecidas apenas na tarde desta quinta-feira. O artigo 9 do regulamento prevê que o primeiro colocado terá todos os mandos de campo. No entanto, a Federação Paranaense de Futebol alegou que houve erro na redação e divulgou uma tabela em que o segundo colocado leva vantagem no mando de campo sobre o primeiro, enquanto o quarto jogará contra os dois primeiros em casa.

Por essa razão, o Atlético recorreu ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), pedindo a manutenção do que está no regulamento. O assunto deve ser apreciado na quinta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.