Paraná precisa da vitória contra Coritiba no Paranaense

Na 10.ª colocação, com 10 pontos, ao Paraná interessa apenas a vitória no clássico contra o Coritiba, neste domingo, às 19h30, no Gigante do Itiberê, em Paranaguá, litoral do Paraná, para afastar-se das proximidades da zona de descenso e tentar garantir-se entre os oito que passarão para a próxima fase.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

21 de fevereiro de 2010 | 08h26

O técnico Marcelo Oliveira fará pelo menos uma alteração, em razão de contusão do lateral-direito Murilo. Jefferson será o substituto. "O clássico é uma grande oportunidade de reverter toda essa situação que nós estamos vivendo", destacou o zagueiro Chicão.

Já o Coritiba tem como meta distanciar-se na liderança do campeonato. O time tem 22 pontos, cinco à frente do Atlético, que ocupa a segunda posição. A primeira colocação garante o mando de todos os sete jogos da

fase decisiva, além de dois pontos extras.

O técnico Ney Franco mudará o time devido às suspensões de Jeci, Leandro Donizete e Willian. Entrarão o zagueiro Lucas Mendes, o meia Rafinha e o atacante Ariel.

Pouco antes, às 16h45, o Atlético Paranaense enfrenta o Nacional,

penúltimo colocado, em Rolândia, no norte do Estado, com o objetivo de

somar mais três pontos. Depois, passa a torcer pela derrota do Coritiba. O técnico Antônio Lopes contará com o retorno do volante Valencia. O meia Tartá deve ser mantido no time, saindo o meia Chico ou o atacante Wallyson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.