REUTERS/Christian Hartmann
REUTERS/Christian Hartmann

Paris Saint-Germain vence Lyon nos pênaltis e é campeão da Copa da Liga Francesa

Após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação, equipe de Neymar ganha por 6 a 5 nos pênaltis

Redação, Estadão Conteúdo

31 de julho de 2020 | 19h22

Campeão Francês e da Copa da França, o Paris Saint-Germain conquistou, nesta sexta-feira, também o título da Copa da Liga Francesa, ao derrotar nos pênaltis (6 a 5), após empate sem gols nos 90 minutos e na prorrogação, o Lyon, no Stade de France, em Paris, que recebeu cinco mil torcedores.

Esta é a nove vez que o Paris Saint-Germain conquista a Copa da Liga Francesa, a sexta consecutiva. Com atuação discreta, Neymar não repetiu as boas atuações desta temporada pelo time francês.

O primeiro tempo foi movimentado, mas as iniciativas ofensivas das equipes foram bem bloqueadas pelas defesas. Neymar, muito marcado, tentou duas finalizações de longe, mas não chegou a levar perigo para o Lyon, que não teve sucesso nos contra-ataques.

O jogo caiu de produção na segunda etapa e foi ficando cada vez pior com a proximidade do fim dos 90 minutos, quando os times mostraram um certo receio em levar um gol e não ter tempo de reação.

Não muito inspirado, Neymar teve mais duas chances para marcar. Em cobrança de falta e em uma cabeçada, mas nas duas oportunidades o goleiro Anthony Lopes foi bem e conseguiu fazer a defesa.

O duelo ficou decepcionante na prorrogação. O único a se destacar foi o argentino Di Maria, autor de bonito disparo logo aos cinco minutos da primeira etapa, mas mais uma vez neutralizado pelo goleiro do Lyon.

Grande momento de tensão apenas no último lance do tempo extra, quando o lateral-direito Rafael fez falta por trás no meia argentino e foi expulso. Neymar teve a chance de cobrar a falta muito perto da grande área, mas exagerou na força do chute e mandou a bola por cima do travessão.

A decisão do título foi para os pênaltis e o aproveitamento das equipes foi de 100% nas cinco primeiras tentativas. Di Maria, Verratti, Paredes, Herrera e Neymar marcaram para o PSG, enquanto Andersen, Ekambi, Coqueret, Thiago Mendes e Aouar converteram para o Lyon.

Na sequência, Traoré bateu no canto esquerdo de Keylor Navas, que pulou para fazer boa defesa. Sarabia aproveitou sua chance e garantiu mais uma taça na temporada para o time de Paris, cujo próximo desafio será a disputa das quartas de final da Liga dos Campeões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.