Parreira avisa que não mexerá no time

O Corinthians que enfrentará o Flamengo, domingo, no Maracanã, será o mesmo que goleou o Americano, pela Copa do Brasil, e venceu o Bangu, pelo Torneio Rio-São Paulo. Na prática, o mesmo que engrenou nas duas competições, garantiu nesta terça-feira o técnico Carlos Alberto Parreira. "Um time não vence seis jogos por acaso. Ninguém ganha assim impunemente. E não vejo a necessidade de mudar neste momento", justificou o treinador.Segundo Parreira, que sempre admite a preocupação em armar sua equipe de acordo com o adversário, não é ainda o caso de alterar o atual esquema. Mesmo considerando que o rival em questão é o Flamengo em crise, jogando no Rio e desesperado para começar uma reação. "É um grupo de muitos valores, sem dúvida. Mas vamos esquecer a crise e enfrentar o Flamengo. Entrar em campo com respeito, só que procurando desempenhar o nosso papel", alertou o treinador.Enquanto o esquema tático adotado por Parreira vai dando certo, os atacantes do time vão comemorando. "As coisas estão acontecendo. A gente está ajudando na marcação. Isso é importante. E também não vejo razão para mudar agora", disse Deivid, companheiro de Leandro e Gil na frente.Gil endossa a opinião do companheiro. E já enxerga na boa fase justificativas para estar na seleção de Luiz Felipe Scolari. "Quando o time está bem, as qualidades individuais aparecem e chamam a atenção do treinador (da seleção). Ele passa a ver com outros olhos aquele time. E aí aparecem as chances..."Aos 21 anos, Gil admite estar na expectativa de ser chamado para os amistosos e, quem sabe, conquistar vaga para o Mundial do Japão e da Coréia do Sul. "Ano de Copa é um ano especial. Você quer dar o máximo e nunca deixa de pensar em uma participação. O Corinthians é o cartão de visitas. Preciso continuar trabalhando aqui, crescendo, melhorando, para ver chegar a minha hora."No treino desta terça-feira, Ricardinho, com uma inflamação na garganta, e Fabrício e Deivid, ambos com dores musculares, não participaram do trabalho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.