Parreira convoca para amistoso com Jamaica

O técnico da seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira, convoca nesta segunda-feira o time para o amistoso contra a Jamaica, dia 12, na Inglaterra, com o objetivo de melhorar o entrosamento entre os jogadores para a seqüência da disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2006. A lista a ser divulgada à tarde na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não deverá trazer surpresas, mas nomes como os doatacante Denílson, do Bétis, e Adriano, do Parma, podem voltar a ser lembrados. A tendência é a de que Parreira mantenha a lista de convocação de ?estrangeiros? formulada para as duas primeiras partidas pela Eliminatórias de 2006.Com isso, o treinador já terá 17 jogadores e completará a delegação chamando somente um goleiroque atua por um clube brasileiro, pela falta de atletas para a posição no exterior.Marcos, do Palmeiras, é o favorito. Mas, a oportunidade para Denílson e Adriano surgiu porque o treinador pode chamar 20 jogadores, já que com menos dois na lista teria somente como opções de ataque: Ronaldo, do Real Madrid, Ronaldinho Gaúcho, do Barcelona, e Rivaldo, sem clube. O amistoso foi marcado para a Inglaterra por causa do acordo celebrado entre a Fifa e os clubes europeus, onde ficou determinado que os atletas somente serão liberados para atuarem em partidas não-oficiais, quando elas ocorrerem no continente.?É fundamental aproveitarmos todas as oportunidades para melhorar a qualidade do time?, afirmou Parreira. Os atletas que atuam por equipes do Brasil não serão relacionados porque está prevista a realização de uma rodada do Campeonato Nacional, no dia 12, mesmo sendo feriado. E, como um fator a mais para impedir a liberação dos atletas, é a data programada para a realização dos clássicos estaduais como São Paulo x Corinthians, São Caetano x Santos, além de Atlético-MG x Cruzeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.