Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Parreira convoca para jogo na Croácia

E o final de semana feliz do atacante Robinho poderá ser prolongado nesta segunda-feira com sua convocação para o amistoso da seleção brasileira contra a Croácia, em Split, dia 17. Se na sexta-feira o atleta teve sua transferência concretizada para o Real Madrid, no sábado se reintegrou ao Santos, hoje manteve a escrita de não perder para o Corinthians e, agora, após ser excluído do Brasil, voltou a ter chances de figurar na lista do técnico Carlos Alberto Parreira. Parreira havia dito na semana passada que Robinho não participaria do amistoso contra os croatas por estar sem treinar e precisando resolver a complicada saída do Santos. Mas, com a solução de todos os problemas e como o atleta atuará por cinco vezes antes do dia 17, a comissão técnica da seleção optou hoje à noite rever a decisão. O jogador somente não enfrentará a Croácia se a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e o clube paulista entrarem em um acordo para que o atacante seja preservado nesses últimos dias que ficará atuando no Brasil. A presença de Robinho serviu ainda mais para transformar de indesejado a necessário o amistoso contra os croatas. Além de poder contar com o novo galático, a partida ganhou em importância, principalmente, porque Parreira escolherá os substitutos do meia Ronaldinho Gaúcho e do zagueiro Roque Júnior, que cumprirão suspensão automática contra o Chile, dia 4 de setembro, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2006. Parreira ainda recorreu à escassez do tempo para treinamentos como argumento para validar o amistoso, já que poderá reunir o elenco. Também frisou que a Croácia será um excelente teste para a seleção, já que lidera o grupo 8, das Eliminatórias Européias para a Copa, com 16 pontos, seguidos por Suécia, 15, Hungria, 10, Bulgária, 8, Islândia, 4, e Malta, 1. "Eles praticamente já estão na Copa e têm bons jogadores. E o campeonato croata já começou, o que contribuirá para um amistoso de alto nível", destacou o técnico da seleção. "Será uma excelente oportunidade para fazermos um teste e observarmos atletas, pelo menos uma ou duas opções para quem vai começar jogando contra o Chile." Mas, para escolher os convocados, Parreira teve várias dificuldades pelo fato de várias equipes européias estarem em pré-temporada. Outras, só voltaram a treinar na semana passada. Por isso, a lista poderá contar com a presença de alguns atletas que não estiveram nos últimos jogos. Parreira já deixou claro quem são os jogadores que disputam quatro vagas na zaga na zaga: Juan, Lúcio, Luisão, Alex e Cris. Já no meio-de-campo, Alex, Júlio Batista e Elano são alguns dos nomes que podem ser beneficiados com a ausência de Ronaldinho Gaúcho. "Tive que considerar várias situações para poder convocar. O que posso dizer é que levaremos a melhor seleção disponível no momento", assegurou o técnico da seleção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.