Parreira convoca seleção nesta quarta

"Vamos pular o carnaval em Hong Kong", com esta brincadeira o coordenador-técnico da seleção brasileira, Zagallo, comentou hoje o amistoso que o Brasil disputará contra a seleção local, no dia 9 de fevereiro, na casa do adversário. Ele frisou que a programação para disputá-la está pronta. Inclusive, os contatos com os clubes europeus, que podem impedir a presença de seus jogadores, foram realizados e as perspectivas de ter os principais atletas brasileiros em campo são "otimistas". A convocação para o confronto está prevista para amanhã, às 15 horas. "Viajamos no sábado de carnaval e chegamos lá na segunda-feira.Brincamos um pouco e jogamos na quarta-feira de Cinzas", divertiu-se Zagallo. "Vai ser uma viagem cansativa, desgastante, mas é sempre bom observar o time. E, além do mais, estamos indo para cumprir o contrato com o nosso patrocinador." A partida contra Hong Kong foi organizada pela Ambev que, por contrato, tem o direito de marcar um jogo por ano para o Brasil disputar. Por causa de um acordo realizado em 2003 entre a Confenderação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) e a União das Associações Européias de Futebol (Uefa), como o confronto não será realizado na Europa ou em locais próximos, os clubes europeus são quem decidirão sobre a liberação dos jogadores brasileiros. De acordo com Zagallo, nos primeiros contatos realizados pelo supervisor da seleção, Américo Faria, com os clubes europeus, como o Real Madrid, onde atuam o atacante Ronaldo e o lateral-esquerdo Roberto Carlos, foram otimistas. O fato de a viagem para a China ter sido estimada em seis horas também está sendo usada como trunfo para a liberação dos atletas. "Vamos do Brasil para a Europa e de lá para o local do jogo. Se a partida fosse aqui, onde eles teriam que viajar por 11 horas, já tínhamos desistido", afirmou Zagallo. "Mas, como será em Hong Kong e os jogadores da Europa precisarão viajar somente por seis horas acho que não teremos problemas. A convocação já está até pronta."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.