Parreira lamenta derrota no fim após reação do Flu

Após a derrota por 3 a 2 para o Avaí, em Florianópolis, na noite de sábado, o técnico Carlos Alberto Parreira elogiou os jogadores do Fluminense e lamentou o gol sofrido aos 47 minutos do segundo tempo, após a reação do time carioca, que chegou a estar perdendo por 2 a 0.

AE, Agencia Estado

21 de junho de 2009 | 16h12

"Ninguém está satisfeito com o resultado. Os jogadores estão arrasados pelas circunstâncias que perdemos. Sabíamos que seria um jogo difícil, mas ficamos todos tristes e decepcionados pelo grande esforço feito no segundo tempo", afirmou Parreira.

O Avaí saiu na frente ainda no primeiro tempo com dois gols em dois minutos. A reação do Fluminense só veio após o intervalo, após duas mudanças no time. Mariano entrou no lugar de Diogo na lateral-direita, enquanto Leandro Amaral substituiu Marquinho. Dessa forma, Thiago Neves voltou ao meio-campo.

As alterações deram certo e o Fluminense empatou com dois gols de Fred, também em menos de dois minutos. "O nosso time é o do segundo tempo e levamos daqui esse poder de reação", destacou Parreira. "Acho que as substituições ajudaram o Fluminense a se reorganizar e poderíamos ter saído daqui com a vitória", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.