Parreira lança a "seleção camaleão"

Preocupado com a falta de tempo para treinar, antes do jogo com o Paraguai, dia 31, em Assunção, o técnico Carlos Alberto Parreira lançou um novo conceito para o time do Brasil: a seleção camaleão. A idéia, segundo ele, é que os jogadores se transformem quando vestirem a camisa verde e amarela, superando os problemas de preparação com muita garra e amor ao País.?Temos jogadores que jogam por diversos clubes no mundo, que defendem várias cores diferentes. Mas eles vão vestir a camisa amarela do Brasil, precisam ser uma seleção camaleão em campo?, afirmou Parreira, tentando motivar o grupo para esse jogo. Mesmo porque, ele sabe que não dará para fazer muita coisa além de conversar com os atletas. Afinal, o time fará apenas um treino, dia 30, já em Assunção, para reconhecimento do gramado do estádio Defensores del Chaco.

Agencia Estado,

16 de março de 2004 | 16h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.