Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Pato chega a Londres para jogar no Chelsea: 'É a minha nova casa'

Atacante emprestado pelo Corinthians fica no time inglês até junho

ESTADÃO CONTEÚDO

27 de janeiro de 2016 | 13h09

O atacante Alexandre Pato desembarcou nesta quarta-feira em Londres, onde deve acertar os últimos detalhes da sua transferência ao Chelsea. O jogador vai ser cedido por empréstimo pelo Corinthians por seis meses, até o fim da temporada 2015/2016 do futebol europeu.

Após defender o São Paulo nos últimos dois anos, Pato retornou ao Corinthians, que o contratou no início de 2013 junto ao Milan. Porém, a intenção da diretoria era de negociá-lo neste começo de ano, tanto que o atacante nem viajou aos Estados Unidos, onde o Corinthians realizou parte da sua pré-temporada e disputou três amistosos.

Neste mês, Pato recusou uma oferta milionária para o futebol chinês, pois tinha o interesse de voltar a jogar no futebol europeu, o que agora parece estar muito próximo de se tornar realidade. "O Chelsea é a minha nova casa", afirmou Pato, em entrevista à ESPN Brasil, durante o seu desembarque em Londres.

"Estou muito feliz por chegar em uma casa nova e quero logo conhecer os meus novos companheiros de clube para que eu possa me adaptar e jogar o mais rápido possível", acrescentou o atacante.

O Corinthians espera confirmar no máximo até quinta-feira o empréstimo de Alexandre Pato para o Chelsea. Os departamentos jurídicos dos dois clubes estão definindo as últimas cláusulas do contrato.

O atacante ficará na Inglaterra em troca do pagamento do salário de R$ 800 mil mensais. O empréstimo fará com que o Corinthians deixe de gastar R$ 4 milhões com Pato no período.

Se o Chelsea decidir ficar com Pato em definitivo, terá de pagar 12 milhões de euros (R$ 53 milhões) no meio do ano. O jogador tem contrato com o Corinthians até o fim do ano e em julho pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube para deixar o Parque São Jorge sem custos em 2017.

O Corinthians trabalhava para tentar vender Pato neste mês. Mas restando pouco tempo para o fechamento da janela de transferências para o futebol europeu e sem nenhum oferta de compra pelo jogador, a diretoria acabou aceitando o empréstimo para o Chelsea para se livrar do salário do atacante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.