Pato é cortado de amistoso contra Argentina

O atacante Alexandre Pato foi cortado nesta sexta-feira da seleção brasileira que vai enfrentar a Argentina num amistoso na quarta-feira, devido a uma lesão muscular na coxa sofrida esta semana, informou a Confederação Brasileira de Futebol.

REUTERS

12 de novembro de 2010 | 13h21

O atacante sofreu um estiramento na coxa durante a vitória do Milan na quarta-feira sobre o Palermo por 3 x 1, quando o brasileiro inclusive marcou um dos gols de sua equipe.

"O médico da seleção brasileira, José Luís Runco, conversou com os médicos do clube italiano e com o próprio jogador antes de efetivar a desconvocação", informou a CBF em nota, acrescentando que um exame de ressonância confirmou a lesão.

Pato, de 21 anos, é o artilheiro da nova seleção brasileira desde que Mano Menezes assumiu a equipe, após a derrota nas quartas de final da Copa do Mundo da África do Sul. Ele balançou as redes nos três jogos desde então, ajudando o Brasil a vencer EUA, Irã e Ucrânia.

A CBF informou que nenhum outro jogador será convocado para o lugar de Pato devido à falta de tempo hábil para se obter o visto de entrada no Catar, local da partida de quarta-feira.

Sem o jogador do Milan, Mano Menezes terá à disposição para o jogo com os argentinos os atacantes Robinho, André e Neymar, além de Ronaldinho Gaúcho, que está de volta ao time após um ano e meio.

Tudo o que sabemos sobre:
FUTBRAXARGPATOFORA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.