Patric troca Atlético-MG pela Ponte; Caio é o próximo

Dispensado pela diretoria do Atlético-MG, o lateral-direito Patric já treina no seu novo clube, a Ponte Preta. O jogador, que foi campeão sul-americano sub-20 com a seleção brasileira em 2009, passou por exames médicos no sábado, assinou contrato, e participou normalmente dos treinamentos da equipe nesta tarde. Na terça-feira, ele será apresentado.

AE, Agência Estado

19 de setembro de 2011 | 20h32

"Venho para a Ponte com o intuito de vencer. O grupo é muito bom e sei da capacidade do elenco. Vi alguns jogos, e gostei do que vi: um time muito compacto e que tem uma torcida fundamental, que apoia o time a todo o momento", disse Patric, que foi titular do Atlético-MG durante boa parte da temporada, mas foi afastado por indisciplina, há um mês. Na derrota para o Corinthians, o lateral, ao ser substituído, deixou o campo lentamente, deixando descontente o técnico Cuca.

Patric, que foi revelado pelo Criciúma, mas já passou por outros cinco clubes apesar de ter apenas 22 anos, foi um dos destaques do Avaí no Brasileirão do ano passado. Por isso, o Atlético-MG pagou cerca de R$ 2 milhões para contratá-lo ao início da temporada.

Outro reforço do Atlético-MG que não vingou o foi o meia Caio, que também havia se destacado no Avaí, no ano passado. Ele chegou à Cidade do Galo em junho, contratado junto a um time do Catar. Não agradou e também deve fechar com a Ponte Preta. Ele realizará exames médicos já nesta terça-feira em Campinas.

"O Caio dependerá dos exames e da parte burocrática, mas vamos tentar poder contar com ele no sábado, caso esta seja a opção do técnico Gilson Kleina", disse o diretor administrativo da Ponte, Jurandir Martins.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.