Divulgação
Divulgação

Paulinho ironiza fama de baladeiro e quer ser outro 'Menino da Vila'

Atacante, ex-Flamengo, espera apagar a má fama no Santos

Estadão Conteúdo

06 de janeiro de 2016 | 18h32

O Santos apresentou nesta quarta-feira aquele que, até aqui, é seu único reforço para 2016: o atacante Paulinho. O jogador deixou o Flamengo com má fama, uma vez que chegou a ser afastado do elenco rubro-negro apontado como o líder do apelidado "Bonde da Stella", em referência à marca de cerveja que ele e outros atletas do time carioca tomavam em encontros após os treinos.

Em sua primeira entrevista coletiva pelo Santos, nesta quarta, Paulinho foi questionado sobre a polêmica e levou o tema na brincadeira. "Nunca me pegaram na noite. Todas as fotos que saíram foram de dia (risos). Falam que eu fico na noite, mas é em casa. Todo jogador pode fazer o que quiser em casa. Isso é coisa que já passou. Vou ficar bem quietinho aqui no Santos, focado", disse.

Cidade bem menor que o Rio, Santos é conhecida por dar poucas oportunidades para os atletas do clube alvinegro aproveitarem a noite sem serem cobrados pela torcida. Pelo contrário. No novo time, Paulinho quer convencer a torcida como mais um "Menino da Vila".

"Estou muito feliz por vestir essa camisa, por ser mais um Menino da Vila. Espero que dê tudo certo e que 2016 seja de muitas conquistas. É um time que tem minhas características. É um time alegre, que joga para frente. Então, acho que me encaixo no perfil do clube", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCPaulistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.