Paulista A-2 será definido só na última rodada

Sete times ainda lutam por apenas quatro vagas à Série A-1 do Paulista do ano que vem

Redação,

01 de maio de 2008 | 17h24

Dos oito times que disputam a segunda fase do Campeonato Paulista da Série A-2, apenas a Ferroviária não tem mais chance de acesso, na última rodada, a ser disputada por completa no próximo sábado. Os outros sete participantes ainda sonham com uma das quatro vagas na elite do futebol paulista, em 2009.No Grupo 2, o Botafogo e Santo André só precisam de um empate para confirmar a classificação. Ambos têm nove pontos, três a mais que o União São João, que, para garantir o acesso, precisa vencer o Santo André, no ABC, torcer por uma derrota do Botafogo para a Ferroviária, em Araraquara, e tirar a diferença no saldo de gols (tem 1, contra 2 do Santo André e 4 do Botafogo). A situação do Grupo 3 é mais complicada. Liderada pelo Oeste, que, com 10 pontos só precisa de um empate para comemorar o retorno à elite, a chave pode sofrer uma reviravolta. Isso, porque, São Bento, com sete pontos, e Atlético Sorocaba, com quatro, eliminados se a competição terminasse hoje, se enfrentam no clássico da cidade de Sorocaba e quem vencer torce por um tropeço do Mogi Mirim, em casa, frente ao Oeste. O Mogi é o atual vice-líder, com sete pontos, assim como o São Bento, que leva desvantagem no número de gols marcados: 4 contra 6 do Mogi. Azarão da rodada, o Atlético, time de melhor campanha na primeira fase, não depende somente de suas forças. Com quatro pontos, na lanterna, precisa vencer o dérbi sorocabano e torcer pelo o Oeste contra o Mogi. Além disso, precisa tirar a diferença no saldo de gols: -2 contra 0 do Mogi Mirim. Ao final da segunda fase, neste sábado, os dois melhores de cada grupo garantem o acesso à Série A-1, de 2009. Os campeões de cada chave decidem o título da temporada em dois jogos. A vantagem será da equipe que chegar à final com a maior pontuação somada nas fases anteriores.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistão A-2

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.