Paulista muda e reforça a defesa

Já pensando nas dificuldades que serão encontradas no estádio Presidente Vargas, onde o Paulista enfrenta o Fortaleza no próximo sábado, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o técnico Vágner Mancini resolveu fazer uma mudança estrutural no time. Para ganhar mais vigor defensivo, o volante Umberto deve ser titular. Com a mudança, o meia Márcio Mossoró, autor do gol da vitória sobre o Londrina na última partida, será sacrificado e vai para a reserva. Os volantes Amaral e Haroldo, além do meia Fábio Mello, completam o setor de meio-de-campo. Os jogadores ainda tentam se adaptar ao novo estilo de jogo. "Temos uma característica de ser um time leve e rápido, mas temos treinado muito taticamente para nos acostumar", disse o lateral Lucas. Sem poder contar com o zagueiro Danilo, suspenso, e com o outro titular, Asprilla, ainda em testes para saber se joga, a zaga que vem treinando é totalmente reserva. Rodrigo e Beto estão formando a dupla. O Paulista precisa ainda de duas vitórias e um empate para ter assegurada sua vaga à próxima fase. Atualmente é o sétimo colocado, com 29 pontos. Sexta-feira, pela manhã, o time viaja para a capital cearense, onde se concentra para a partida, marcada para as 16 horas de sábado.

Agencia Estado,

31 Agosto 2004 | 18h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.