Paulista poupa fôlego paras as finais

Antes de iniciar a disputa das finais do Campeonato Paulista, o Paulista vai treinar menos para recuperar o fôlego gasto nos dois confrontos semifinais diante do Palmeiras. A decisão partiu da comissão técnica. Depois da folga, o elenco retornou ao trabalho nesta terça-feira pela manhã e realizou um trabalho técnico leve, sob o comando do técnico Zetti. Mas a reclamação de cansaço fez com que a programação fosse alterada. À tarde, os jogadores passaram por programas de recuperação física.O desgaste foi muito grande na partida contra o Palmeiras, quando a classificação só foi definida na cobrança de penalidades máximas - 3 a 3 no tempo normal e 4 a 3 nos pênaltis. "Além do aspecto físico, há ainda o ingrediente emocional. Nesse aspecto, todos nós sofremos", comentou o fisicultor Fernando Moreno.O goleiro Rafael, titular do Paulista durante todo o campeonato, está recuperado de uma lesão muscular na coxa direita e voltou a treinar normalmente nesta terça-feira. Zetti terá que escolher pela volta de Rafael ou pela manutenção do grande destaque do time na fase semifinal. Márcio praticamente fechou o gol e impediu que o Palmeiras conseguisse vencer. Na decisão por pênaltis, Márcio defendeu três cobranças e garantiu o time nas finais do Paulistão.Bom problema - Zetti, ex-goleiro do São Paulo e seleção brasileira, vai esperar até o final de semana para decidir se muda ou não o camisa número 1. "Durante essa semana vou observar bem os goleiros. Esse é um bom problema. Temos dois grandes goleiros à disposição, mas preciso que o jogador esteja 100% para jogar bem. Como eu tenho uma semana, quero esperar um pouco mais", disse.Para o treinador não existe favorito. "O Rafael mostrou seu valor durante os bons jogos que fez na competição. O Márcio é confiante, seguro e está pronto para brigar pela posição. Eu confio muito nos dois", analisa.Além da indefinição no gol, Zetti estuda quais modificações serão necessárias para suprir a ausência dos atacantes Izaías, titular, e Davi, reserva. Os dois jogadores estão suspensos. O atacante Márcio Mossoró é o mais cotado. Há, porém, a possibilidade da entrada de algum meio-campista, como Fábio Mello ou até mesmo o volante Amaral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.