Paulistão: Série B dividida por região

O campeonato da Série B completa o processo de reorganização do futebol paulista. Das três divisões da B que existiam até 2003 - B1, B-2 e B-3 - a Federação Paulista de Futebol criou uma única categoria de 39 clubes com grupos formados de acordo com as regiões do Estado. O objetivo principal é aproveitar a rivalidade entre as cidades próximas e reduzir os custos de viagens das equipes."Nesta primeira fase, os clubes não terão viagens longas pela frente. Jogarão nas cidades vizinhas e, portanto, não terão despesas com viagens longas de 400 ou 500 quilômetros. Com isso, esperamos acender a rivalidade e garantir público nos estádios", diz Marco Polo Del Nero, presidente da Federação Paulista, lembrando que a capacidade mínima dos estádios deve ser de 5 mil espectadores.A rivalidade deverá ser acirrada em pelo menos duas cidades que terão dois clubes cada no torneio. A cidade de Mogi das Cruzes terá o Mogi das Cruzes e o União Mogi. E São Bernardo do Campo contará com o São Bernardo e o Palestra.No momento, a FPF está buscando patrocinadores para o campeonato e discutindo a possibilidade da transmissão de jogos pela Rede Vida. "O campeonato tem um bom potencial já que envolve cidades que não fazem parte da elite do futebol paulista. Teremos jogos em municípios como Mogi das Cruzes, Guarujá, Cubatão, Assis, Tupã, São Carlos, Fernandópolis, Pirassununga, Mococa entre outros", diz o dirigente.As cidades que fazem parte da Grande São Paulo também estarão representadas na competição. "Teremos um time novo em Osasco, tem ainda o São Bernardo e Palestra, em São Bernardo do Campo. O Barcelona, de Capela do Socorro, mudou de local e vai representar Ibiúna. E o litoral terá times como o Guarujá, o XV de Caraguá e o novo Jabaquara, com o apoio do Pelé", lembra Marco Polo.Para o presidente da Federação, as regras de acesso e descenso que deram boa dinâmica para os campeonatos das séries A1, A2 e A3 deverão ser fundamentais no caso da série B. "O objetivo dos clubes participantes é chegar à Série A. Já conversei com todos os dirigentes e senti que eles estão animados", justifica Marco Polo.

Agencia Estado,

07 de abril de 2005 | 09h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.