Paulo César está indo para o PSG

O lateral-direito Paulo César, do Fluminense, está praticamente vendido para o Paris Saint-Germain (França) e a diretoria já pensa em como gastar a parte do dinheiro a que tem direito. O vice-presidente Marcelo Penha disse que a prioridade do Tricolor é a de acertar os salários atrasados. "Antes de pensarmos em reforços, temos que pagar ao elenco o que devemos. Resolvido esse problema, veremos as posições carentes do clube", afirmou Marcelo. Ele aproveitou para dizer que o atacante Caio e os meias Bismarck e Paulo Isidoro, dispensados pelo Tricolor, já chegaram a um acordo para assinar a rescisão contratual. Sobre o meia Roger, Marcelo Penha disse que o Fluminense está se esforçando para a permanência do jogador. "Estamos trabalhando para encontrar uma fórmula e dar garantias ao Roger de que ele receberá o seu salário", disse o dirigente. "A diretoria está se reunindo com algumas empresas para tentar ver se há alguma possibilidade de alguma ajuda."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.