Simone Arveda/ EFE
Simone Arveda/ EFE

Paulo Fonseca confia em um 'grande trabalho' de José Mourinho no comando da Roma

Equipe da capital italiana busca reverter vantagem obtida pelo Manchester United na Liga Europa

Redação, Estadão Conteúdo

05 de maio de 2021 | 13h20

O técnico português Paulo Fonseca sabe que não vai permanecer na Roma na próxima temporada e que seu cargo será ocupado pelo compatriota José Mourinho. Apesar disso, o treinador mostra motivação para a disputa do jogo de volta das semifinais da Liga Europa contra o Manchester United e prevê um 'grande trabalho' de seu sucessor.

"Para mim o profissionalismo é um valor sagrado. Estou bem, estou com a mesma motivação com a qual cheguei ao clube. Quero fazer o melhor para a Roma até o fim. Todos sabemos que Mourinho é um grande treinador e fará um grande trabalho na Roma", disse Fonseca, nesta quarta-feira, em entrevista coletiva.

"Não se trata do momento mais difícil da minha carreira. Vivo este momento com normalidade, profissionalismo e com concentração no meu trabalho até o último dia", afirmou o treinador, que vai dirigir o time italiano, nesta quinta-feira, com a missão de tentar reverter a goleada por 6 a 2 sofrida no duelo de ida, no Old Trafford.

"Evidentemente não é fácil ganhar por 4 a 0 do Manchester United, mas tudo pode acontecer no futebol. Nada é impossível. Eu tenho fé", disse o técnico. "Espero um jogo difícil, pois enfrentar o United é sempre bastante complicado. A vantagem deles é muito grande, mas nós queremos ganhar e vamos lutar até o final."

Caso consiga realiza a missão quase impossível e alcançar a final da Liga Europa, a Roma terá pela frente Arsenal ou Villarreal. No primeiro jogo, na Espanha, os espanhóis venceram por 2 a 1. Desta forma, jogam por um empate também nesta quinta-feira, em Londres.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.