Itamar Aguiar/Agência Freelancer
Itamar Aguiar/Agência Freelancer

Paulo Miranda é expulso e Grêmio cede empate ao São Luiz no fim em estreia

Zagueiro estreia recebendo cartão vermelho no 1 a 1, em jogo disputado em Ijuí

Estadão Conteúdo

17 Janeiro 2018 | 23h50

Com um time repleto de garotos, o Grêmio viajou a Ijuí nesta quarta-feira e vencia o São Luiz por 1 a 0, mas levou o empate nos acréscimos e precisou se contentar com o resultado de 1 a 1 na estreia do Campeonato Gaúcho. Único medalhão entre os titulares, o zagueiro Paulo Miranda, reforço para esta temporada, acabou sendo um dos responsáveis pelo empate ao ser expulso no segundo tempo.

+ TABELA - Classificação do Campeonato Gaúcho

O Grêmio atuou sem os titulares e os reservas, que seguem de férias após a disputa do Mundial de Clubes no fim do ano passado. Agora, vai em busca da primeira vitória diante do Caxias no sábado, na Arena, pela segunda rodada do Gaúcho. Já o São Luiz encara o Avenida, domingo, fora de casa.

A primeira chegada de perigo nesta quarta foi do Grêmio, com Lima, que recebeu pela esquerda, passou pela marcação e chutou para fora. A resposta do São Luiz veio na mesma moeda, e Gustavo Xuxa aproveitou o espaço na intermediária para arriscar aos 11, por cima do travessão.

Mas logo o jogo perdeu em emoção e passou a ficar muito brigado, no meio de campo. Quando o Grêmio parecia desligado, abriu o placar aos 22 minutos. Pepê tocou na direita para Leonardo, que cruzou para a área. A defesa não conseguiu afastar e Matheus ficou com a sobra para marcar o primeiro.

A resposta do São Luiz foi imediata e Bruno Grassi foi exigido aos 27 minutos, ao fazer grande defesa na finalização de Éder. Aos 45, Leonardo cruzou novamente da direita, a bola passou por todo mundo e Lima acertou a trave, mas a arbitragem já marcava impedimento.

O Grêmio seguiu controlando o jogo, diminuindo o ritmo, na volta para o segundo tempo, e limitou as chegadas do adversário. Aos 24, ainda perdeu grande chance. Guilherme Guedes cruzou e Balbino acertou a trave. No rebote, Mendonça ainda tocou por cima.

Aos 37, Mikael recebeu na área, driblou Grassi e caiu, mas o árbitro mostrou amarelo para o atacante. Logo depois, Paulo Miranda cometeu falta na intermediária, levou o segundo amarelo e foi expulso, deixando o Grêmio com um a menos. E no apagar das luzes, Ronaldinho Gramadense deixou tudo igual em chute que desviou no meio do caminho e matou Grassi. Gustavo Xuxa, no último lance, ainda acertou o travessão e quase virou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.