JB Neto/Estadão
JB Neto/Estadão

Paulo Miranda será operado e ficará até 6 semanas fora do São Paulo

Titular absoluto de Ney Franco terá de passar por uma artroscopia no joelho esquerdo

FERNANDO FARO, Agência Estado

19 de fevereiro de 2013 | 10h32

SÃO PAULO - Titular absoluto no ano passado na lateral direita do São Paulo, Paulo Miranda passará por uma artroscopia no joelho esquerdo e ficará fora de combate de quatro a seis semanas. Os médicos do São Paulo resolveram fazer a intervenção cirúrgica após verem o resultado de alguns exames que constataram um problema no menisco do atleta.

O jogador começou a se queixar de dores antes da partida contra o Ituano, no último domingo, no Morumbi, mas chegou a ser relacionado e acabou cortado de última hora. Na última segunda-feira, mal conseguiu treinar com os companheiros e teve que deixar o campo do CT da Barra Funda para ser submetido a exames. Os médicos farão uma limpeza no local para evitar novos desconfortos.

A baixa deve sepultar definitivamente o projeto de Ney Franco manter o esquema com três atacantes. Isso porque Douglas, lateral-direito de origem e que vinha sendo aproveitado no ataque, deverá voltar a desempenhar sua função de ofício. O mais cotado para ficar com uma vaga no time é Paulo Henrique Ganso, que será titular já no duelo contra o São Caetano, nesta quarta-feira, às 19h30, no Anacleto Campanella, pelo Campeonato Paulista.

Paulo Miranda chegou ao Morumbi no ano passado e foi pivô involuntário de uma das maiores polêmicas no ano ao ser afastado pela diretoria após falhar na semifinal do Campeonato Paulista contra o Santos (fez um pênalti nos primeiros minutos em Neymar e não conseguiu acompanhar o santista no lance do segundo gol da derrota por 3 a 1). Em seguida, ele deu a volta por cima ao ser aproveitado por Ney Franco na lateral e se tornou uma das peças principais do time que terminou 2012 vencendo a Copa Sul-Americana.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCPaulo Miranda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.