Paulo Nunes fica mais uma semana fora

O atacante Paulo Nunes vai ficar pelo menos mais uma semana afastado do futebol. Com isso, seu primeiro gol com a camisa do Corinthians continua apenas na promessa. O jogador, que já participou de oito jogos no clube paulista, sofreu uma contusão na partida contra o Joinville, quarta-feira, pela Copa Brasil. No exame de ressonância magnética, realizado sexta-feira, foi constatada uma inflamação na coxa direita, perto do joelho que foi operado antes do jogador atuar pelo Palmeiras.Paulo Nunes, que foi afastado da partida contra o Mogi Mirim, está fazendo tratamento intensivo para tentar recuperar a forma o mais rápido possível. O jogador não se conforma com a falta de sorte que enfrenta no Parque São Jorge. Ele anda tão triste, que tem evitado até dar entrevistas. Sua contratação pelo Corinthians gerou insatisfação entre os integrantes da torcida Gaviões da Fiel, a maior do clube, que não gostou de ver o jogador com a camisa do alvinegro - Paulo Nunes sempre provocou os corintianos quando defendia o Palmeiras.Mas o presidente do Corinthians, Alberto Dualib, responsável pela vinda do atacante que estava no Grêmio, decidiu arriscar na contratação. Até Dario Pereyra, que na época era o treinador da equipe, ficou surpreso com sua chegada. Paulo Nunes teve até de jantar com os líderes da Gaviões para tentar conquistar o apoio da torcida.Mau começo - A estréia de Paulo Nunes no Corinthians ocorreu na derrota para a Portuguesa Santista, por 2 a 1, dia 3 de fevereiro, em Santos, pelo Campeonato Paulista. O resultado causou a demissão de Dario.Paulo Nunes não suportou os 90 minutos naquela ocasião. Alegando não estar em plena forma, ele foi substituído no segundo tempo. "Não estava pronto para estrear", justificou o atacante. "Estava há oito meses sem jogar normalmente e por isso, precisava de mais tempo para voltar a atuar."Com a contratação do técnico Wanderley Luxemburgo, Paulo Nunes continuou tendo chances na equipe. Sua melhor atuação foi na vitória sobre o Palmeiras, por 2 a 1, dia 11 de fevereiro, no Morumbi. Na goleada sobre o Santos por 5 a 0, há uma semana, no Pacaembu, o atacante mostrou um desempenho razoável. Foi ele quem sofreu o pênalti que resultou no primeiro gol da equipe. Mesmo assim, foi substituído por Éwerthon no intervalo.Na partida contra o Joinville, Paulo Nunes começou jogando. Mas logo aos 8 minutos, o atacante sofreu a contusão e, novamente, foi substituído por Éwerthon. O jogador diz que agora não faz mais planos. Primeiro de tudo, terá de superar a lesão.Após a vitória sobre o Mogi Mirim, por 3 a 0, a quarta consecutiva na temporada, o Corinthians continuava festejando a volta da boa fase. Mas Luxemburgo quer evitar a euforia dentro do grupo. "Não acho que deva haver muita empolgação com as vitórias, assim como não vejo motivo para depressão no momento da derrota", observou. A equipe terá cerca de uma semana para aprimorar-se, visando à partida de sábado, contra a União Barbarense, em Santa Bárbara D?Oeste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.