Jamira Furlani/Avaí FC
Jamira Furlani/Avaí FC

Paulo Sérgio brilha, Avaí vira sobre Paraná no fim e deixa degola

Atacante saiu do banco para se tornar o homem do jogo na vitória da equipe por 2 a 1

AE, Agência Estado

20 de maio de 2014 | 21h49

FLORIANÓPOLIS - O Avaí está fora da zona de rebaixamento. Nesta terça-feira, o clube catarinense sofreu, saiu atrás do Paraná, mas conseguiu a virada por 2 a 1 nos minutos finais do duelo, muito graças a estrela do atacante Paulo Sérgio, que saiu do banco para se tornar o homem do jogo. A partida aconteceu no estádio da Ressacada, em Florianópolis, e foi válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com a vitória, o Avaí já soma três jogos de invencibilidade e foi aos sete pontos na tabela de classificação, começando a encostar no grupo dos quatro primeiros colocados. Por sua vez, o Paraná já não vence há cinco jogos e corre sérios riscos de parar na zona de rebaixamento.

O primeiro tempo foi bem corrido. Chances de gols não faltaram, mas a má pontaria impediu que o placar fosse inaugurado. Mesmo atuando fora de seus domínios, a equipe paranaense tomou a iniciativa e perdeu a primeira chance logo aos dois minutos. Carlinhos Miranda cruzou para Keno, que mandou por cima do gol de Vagner.

A equipe visitante ameaçava, mas parava na boa atuação do arqueiro Vagner. Keno e Juliano Mineiro eram os jogadores mais lúcidos na partida. Por outro lado, os donos da casa foram para a pressão. Heber acertou a trave. Anderson Lopes chegou a balançar as redes no minuto final, mas o árbitro marcou posição irregular do jogador e anulou o gol.

Na segunda etapa, o Avaí continuou com a mesma postura e estava melhor na partida, mas foi o Paraná que abriu o placar. Aos 19 minutos, Carlinhos Miranda arriscou de longe, Vagner fez a defesa, mas a bola sobrou para Henrique Santos. O meia mandou para o fundo das redes.

Atrás no marcador, Pingo mudou o time do Avaí e deu resultado. Aos 33 minutos, Anderson Rosa tentou o recuo para Marcos, Paulo Sérgio foi mais esperto, roubou a bola e empatou. O atacante estava com tudo e voltou a marcar aos 44. Tinga fez bela jogada e rolou para Paulo Sérgio chutar cruzado e comemorar o gol da virada.

Na próxima rodada, o Avaí enfrenta o Boa nesta sexta, às 19h30, no estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG). O Paraná volta a campo no sábado, às 21 horas, contra o Náutico, no estádio Durival de Britto, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 x 1 PARANÁ

AVAÍ - Vágner; Bocão, Antônio Carlos, Pablo e Eduardo Neto (Eltinho); Eduardo Costa, Tinga, Diego Jardel (Paulo Sérgio), Cléber Santana; Anderson Lopes e Héber (Wilker). Técnico: Pingo.

PARANÁ - Marcos; Carlinhos Miranda, Anderson Rosa, Gustavo e Breno; Cambará, Edson Sitta, Juliano Mineiro e Henrique Santos (Carlinhos); Keno (Thiago Humberto) e Giancarlo (Gabriel Barcos). Técnico: Claudinei Oliveira.

GOLS - Henrique Santos, aos 19, e Paulo Sérgio, aos 33 e aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Edson Sitta, Henrique Santos e Juliano Mineiro (Paraná).

ÁRBITRO - Pablo dos Santos Alves (ES).

RENDA - R$ 29.652,00.

PÚBLICO - 2.773 pagantes.

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BAvaíParaná

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.