Paysandu e Fla tentaram. Só empataram

A torcida paraense não teve do que se queixar: Paysandu e Flamengo fizeram uma boa partida e o empate por 2 a 2 foi o resultado mais justo pelo que os dois times produziram dentro de campo. O time paraense começou melhor a partida, no primeiro tempo, sufocando os cariocas em seu campo e defesa. Aos nove, Balão perdeu um gol incrível: sozinho, na pequena área, chutou para fora com o gol vazio.O Flamengo não conseguia chegar no ataque e só deu seu primeiro chute ao gol aos 13. Athirson cobrou falta nas mãos de Paulo Musse. Mas Júnior, aos 15, deu um passe com açúcar para China, que driblou Flávio Tanajura e chutou para as redes: 1 a 0. O mesmo Tanajura, aos 28, salvou com os pés, debaixo da linha, um chute de Jean.A fanática torcida do Papão, aos berros, passou a cobrar garra do time. Balão ouviu, roubou uma bola de André Bahia na grande área e esticou para Vinícius, sozinho, empatar: 1 a 1. O jogo continuou muito disputado no segundo tempo e o Flamengo saiu novamente na frente do placar. Maurinho, aos 13, marcou uma tremenda bobeira e entregou a bola nos pés de Jean, que cruzou para Ibson cabecear e marcar o segundo gol carioca.Mal deu tempo para comemorar: o mesmo Maurinho, aos 14, se redimiu da besteira que havia feito e aproveitou um cruzamento de Balão ao desferir uma bomba para as redes de Diego: 2 a 2. A partir daí, as chances de desempate foram iguais: Maurinho e André Bahia desperdiçaram, chutando para fora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.