Paysandu empata com Atlético-GO e segue ameaçado

Um jogo tenso já era esperado devido à situação dos dois times na tabela de classificação, e foi o que realmente se viu na noite deste sábado, em Belém (PA). Paysandu e Atlético-GO erraram muitos passes e fizeram um duelo com poucas emoções. Por isso, o empate sem gols no Estádio da Curuzu, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, pode ser considerado justo.

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2013 | 23h12

Com o empate na estreia do técnico Vágner Benazzi, que substituiu Arturzinho, o Paysandu se manteve na zona de rebaixamento, em 17.º lugar, com 24 pontos, e agora já são três jogos sem vitória. O Atlético tem um ponto a mais e vem logo na frente, na 16.ª colocação.

Apesar do apoio da torcida bicolor, quem esteve mais perto de abrir o placar no primeiro tempo foi o Atlético. Aos sete minutos, João Paulo bateu falta colocada e exigiu grande defesa de Paulo Rafael, que voltaria a trabalhar em finalização de Dodó.

O Paysandu sentia muita falta de Eduardo Ramos, tanto que o time não criou nenhuma grande jogada de perigo durante os 45 minutos iniciais. Depois do árbitro apitar o intervalo, os torcedores presentes na Curuzu vaiaram bastante os jogadores.

Na volta para o segundo tempo, o time da casa esboçou uma pressão nos primeiros minutos e assustou em chute de Vanderson, que passou raspando a trave. Na sequência, Aleílson bateu para boa defesa de Márcio e o lateral Guilherme Santos tirou a bola em cima da linha depois da cabeçada de Marcelo Nicácio.

O Atlético parecia satisfeito com o empate, que o mantinha fora da zona de rebaixamento, e por isso se preocupou apenas em se defender, tentando explorar os contra-ataques.

O Paysandu volta a campo na próxima terça-feira, contra a Chapecoense, às 19h30, no Estádio da Curuzu, em Belém, pela 25.ª rodada. No sábado, o Atlético-GO terá pela frente o Icasa, às 19h30, no Estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte (CE).

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 0 X 0 ATLÉTICO-GO

PAYSANDU - Paulo Rafael; Yago Pikachu, Fábio Sanches, Pablo e Gilton (Helliton); Vanderson, Zé Antônio, Alex Gaibu e Jaílton (Iarley); Aleílson (Djalma) e Marcelo Nicácio. Técnico - Vágner Benazzi.

ATLÉTICO-GO - Márcio; John Lennon, Artur, Anderson Conceição e Guilherme Santos (Marino); Dodó, Régis, Ernandes e João Paulo (Jorginho); Juninho (Anselmo) e Ricardo Jesus. Técnico - PC Gusmão.

ÁRBITRO - Rodrigo Batista Raposo (DF)

CARTÕES AMARELOS Pablo, Vanderson, Iarley e Zé Antônio (Paysandu); Guilherme Santos, Ernandes e Anderson Conceição (Atlético-GO)

RENDA - R$ 79.980,00

PÚBLICO - 4.419 pagantes (5.449 total)

LOCAL - Estádio da Curuzu, em Belém (PA).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BPaysanduAtlético-GO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.