Paysandu estraga a festa do Juventude

O Juventude preparou uma festa para a despedida do Brasileiro, em casa. Mas não contava com a peça pregada pelo convidado Paysandu, que venceu a partida por 2 a 1, de virada, neste domingo à tarde, frustrando a torcida local. O jogo foi bastante solto, com as equipes procurando o ataque. Sandrinho, após uma boa jogada de Clodoaldo, abriu o placar para o Juventude, aos 20 minutos. Parecia que a tarde seria perfeita para a torcida, embora a equipe estivesse com muitos reservas. Mas o Paysandu reagiu no segundo tempo. Logo no início, Flávio Tanajura se antecipou ao zagueiro Ageu e empatou, após uma bola levantada na área por Carabina em cobrança de falta. Na seqüência, o time visitante seguiu melhor e, aos 35, Alex Pinho, de cabeça, desviou uma outra bola cruzada na área, também de falta, definido o placar. Ao final do jogo, a torcida se dividiu entre aplausos e vaias. No fim, a despedida do Juventude ficou com um gosto ruim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.